Páginas

quarta-feira, 19 de junho de 2024

Festa tradicional do Município de Barrocas, conheça um pouco da história do Rapa do Povoado de Minação

Última edição do Rapa lotou a praça do povoado. Foto Reprodução redes sociais
Para conhecer um pouco mais sobre uma das principais festas que acontecem no período junino no município de Barrocas, no Território do Sisal da Bahia, o JNV conversou nesta quarta-feira (19), com uma dos responsáveis pelo Rapa da Minação. Natural da comunidade, Val Mota compartilhou a rica história e falou do impacto positivo desse evento que acontece a mais de três décadas.

"O Rapa começou há mais de 30 anos. A gente fazia festa e bebia tanto durante o São João todo que amanhecíamos com vontade de mais. Aí percebemos que depois da fogueira sempre sobrava algo, e falamos: 'Vamos tomar o que sobrou?'. Então saímos de casa em casa pegando as sobras, levamos um radinho de pilha e ouvimos músicas", relembra Val.

Essa é a grade de atrações do Rapa da Minação 2024
Ele revela que a tradição começou de forma despretensiosa entre amigos, mas logo ganhou forma e cresceu. Hoje Val conta como tudo aconteceu, sem deixar passar nenhum detalhes: "Lá pra frente, um colega embebedou e caiu, não conseguindo levantar. Pegamos um bangue, colocamos ele e levamos pra casa. Na volta, já colocamos o som em cima. E aí continuamos: toda vez que algum embebedava, tirávamos o som de cima para levar o bêbado, que era o bom da festa. Com o passar do tempo, bolamos a carroça e também padronizamos camisas", Segundo Val, já são 32 anos de história, sendo quatro sem camisa e 28 com o incremento.

Perguntado sobre o impacto do Rapa na comunidade, Val destacou a importância do evento como opção de lazer e economicamente. "Você vê que os comerciantes nem se preocupam com o São João, fazem tudo só para o Rapa. Faremos a festa tudo grátis: bebida, comida, etc. Pegamos nas casas e distribuímos para a galera", pontuou.  

Val também expressou sua satisfação em receber um público diversificado na comunidade. "Nosso prazer é muito grande quando a gente vê até gente de outros países. É muito satisfatório. Temos visitantes de quase todos os estados brasileiros, é muito bom. O Rapa só cresce a cada ano", destaca um dos fundadores da festa.

Mantendo a história desde antes de Barrocas se tornar cidade, o Rapa da Minação neste ano receberá Cardosinho da Bahia, Hérisson Rocha e Marcynho Sensação, que trará seu repertório para o público local e os visitantes que mais uma vez lotaram as ruas da Minação.

@ Nossa Voz por Kauã Sherman

Técnico Campeão, Galego já vestiu a camisa do Grêmio Ladeira como jogador


Galego comanda a equipe do Grêmio pelo segundo ano consecutivo. Foto enviada ao JNV
Genildo, mais conhecido como Galego, 
de 38 anos, casado, pai do pequeno Douglas,  celebrou um momento especial em sua carreira no futebol ao conquistar o título municipal como técnico do Grêmio Ladeira, clube pelo qual também atuou como jogou. Em entrevista nesta quarta-feira (19), Galego compartilhou suas emoções e desafios ao liderar a equipe para a conquista do Barroquense 2024.

Galego nos tempos de jogador
"Ser técnico é uma responsabilidade a mais. É difícil, você tem que tomar decisões difíceis e nem sempre vai agradar a todos, porém, sempre procurei o melhor para o grupo," declarou Galego que jogou no time até 2021. Sua experiência como ex-jogador do Grêmio Ladeira certamente contribuiu com os conhecimentos fora do campo.

A conquista do título foi um momento de intensa emoção para Galego. "Conquistar o título é uma emoção inexplicável. E da forma que foi, então, foi maravilhoso," afirmou. Cada jogo foi uma batalha, e a vontade pelo título da equipe foi testada quando o goleiro titular, Bambino, se machucou, fato que o treinador relembrou. "Quando Bambino machucou, ficou complicado. Mas, graças a Deus, Darlan entrou e deu conta do recado. Porém, fizemos um time forte e muito unido para ser campeão."

Morador do próprio Povoado onde tem um comércio de produtos agrícolas, Galego enfatizou a união e a força da equipe como fatores cruciais para a conquista. "Ser campeão foi o mais emocionante. Fizemos uma festa muito bonita," disse ele. A celebração do primeiro título da equipe tricolor foi um momento marcante na história do futebol barroquense, sendo Galego um dos principais responsáveis por colocar a equipe no livro dos campeões municipais.

@ Nossa Voz por Kauã Sherman

Lateral Direito do Santa Cruz, Big Big foi o maior pontuador do Ifut no Campeonato Barroquense de 2024

Big Big somou 100 pontos ao longo da competiçção. Foto Jornal A Nossa Voz
O lateral direito Júnior, mais conhecido como Big Big, jogador da equipe do Santa Cruz de Lagoa da Cruz, conseguiu a maior pontuação no aplicativo iFut pelo Campeonato Barroquense 2024.  Atualizado pelo Jornal A Nossa Voz através do repórter Isaac Sherman, o app acumula pontos a cada partida e monta um ranking entre todos os atletas da competição. Com uma performance consistente ao longo de todo campeonato, Big Big destacou-se entre os jogadores, somando um total de 100 pontos.

Troféu de Maior Pontuador
Em 12 jogos disputados, o atleta não só defendeu com excelência, mas também contribuiu significativamente para o ataque da equipe vice-campeã. Big Big marcou dois gols e deu três assistências, mostrando sua versatilidade e importância dentro de campo. Sua habilidade em ambas as extremidades do campo foi crucial para o desempenho do Santa Cruz durante o campeonato.

A premiação como maior pontuador de 2024 é um reconhecimento merecido pelo esforço e dedicação de Big Big. Sua atuação não passou despercebida, e o troféu é um testemunho de sua contribuição ao time e à competição. A capacidade de influenciar tanto na defesa quanto no ataque fez dele uma peça chave na campanha do Santa Cruz.

A conquista de Big Big serve como inspiração para outros jogadores e mostra a importância de se destacar em em todas as partes do campo. Em 2023, Demisson, atacante do Santa Cruz, foi o maior pontuador.

@ Nossa Voz por Kauã Sherman

Lula diz que pode tentar a reeleição ‘para evitar que trogloditas voltem a governar’ o país

Presidente afirmou ainda que há muita gente boa para se candidatar - Foto Reprodução lanceseara.com.br
O presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) afirmou nesta terça-feira (18) que pode tentar a reeleição nas eleições de 2026 “para evitar que trogloditas voltem a governar” o Brasil. Em entrevista a Rádio CBN, o petista afirmou, contudo, que “há muita gente boa” para se candidatar no próximo pleito e que buscar a reeleição “não é a primeira hipótese”.

“Não quero discutir reeleição em 2026 porque tenho apenas um ano e sete meses de mandato. Tem muita gente boa pra ser candidato, eu não preciso ser candidato”, declarou.

“Presta atenção, se for necessário ser candidato para evitar que os trogloditas que governaram esse país voltem a governar, pode ficar certo que meus 80 anos virará em 40 e virarei candidato. Mas não é a primeira hipótese”, completou o petista.

Na entrevista, Lula evitou falar o nome do antecessor, o ex-presidente Jair Bolsonaro (PL). Ele afirmou que, se necessário, irá se candidatar nas próximas eleições, para impedir o retorno de um “fascista” ao poder.

“Não vou permitir que esse país volte a ser governado por um fascista, não vou permitir que esse país volte a ser governado por um negacionista como nós já tivemos”, disse.

As declarações de Lula representam uma inflexão no discurso do petista. Quando foi candidato em 2022, ele dizia que não tentaria a reeleição caso derrotasse Bolsonaro.

@ Nossa Voz Com informações do g1 / Notícias de Santaluz

terça-feira, 18 de junho de 2024

Com Marrone se recuperando de cirurgia, apenas Bruno fará show no São João de Serrinha

Apesar do contratempo, a dupla Bruno e Marrone continua sendo uma das grandes atrações do São João de Serrinha. Foto Reprodução

O cantor Marrone, da dupla Bruno e Marrone, foi internado em um hospital de Goiânia e submetido a uma cirurgia nesta segunda-feira (17). A assessoria de imprensa do artista confirmou a informação, detalhando que Marrone foi diagnosticado com glaucoma, uma condição ocular séria.

Imagem Reprodução
De acordo com a biblioteca virtual em saúde do Ministério da Saúde, o glaucoma é causado pelo aumento da pressão nos olhos, podendo levar à cegueira se não for tratado adequadamente. A cirurgia foi realizada para tratar essa condição, e a recuperação do cantor está sendo monitorada.

Apesar do contratempo, a dupla Bruno e Marrone continua sendo uma das grandes atrações do São João de Serrinha. A apresentação está programada para este sábado, dia 22, e será realizada conforme anunciado pela Prefeitura Municipal de Serrinha.

No entanto, devido à recuperação de Marrone, ele não participará do evento. Apenas Bruno seguirá com a agenda da dupla, garantindo a presença no São João de Serrinha e cumprindo os compromissos assumidos.

@ Nossa Voz por Kauã Sherman