sexta-feira, 24 de Outubro de 2014




Santa Catarina: Jogadores do Atlântico homenageiam o Jornal @ Nossa Voz


No domingo dia 19, aconteceu a segunda partida da Final da Série B de São José, o Atlântico, equipe do barroquense Renilson, acabou perdendo o jogo, mas conquistou o acesso a tão sonhado serie A e ainda ficou com o artilheiro e o goleiro menos vazado da competição. 


Em conversa com nossa equipe Renilson lamentou a derrota, mas destacou a campanha do Atlântico na competição.

Renilson "Chumbinho"
“O atacante Cristofer de Jesus, o Kiko, foi o grande goleador da competição tendo marcado 12 gols na Segundona. A equipe da Forquilhinha também fez o vice-artilheiro, o meia Marcelinho balançou as redes nove vezes. Do outro lado do campo, o goleiro Adilson, o Dida, também merece os nossos aplausos. Não somente porque ele foi o menos vazado, mas pelo seu comportamento dentro de fora de campo. O goleiro é um exemplo a ser seguido. Ele evitou que seus atletas perdessem a cabeça e comandou o Atlântico em sua bela campanha” destacou.

O Atlântico fez a melhor campanha, porém segundo o barroquense, na outra chave um time saiu da liga por ter um jogo a menos o americano acabou ficando com vantagem.

Renilson destacou a goleada histórica do time diante do AD Vitória; "Entramos para a historia do Liga Josefense ganhamos um jogo contra AD vitoria 13x0 jogamos muito nessa partida e tivemos destaque na imprensa” comemorou. E lembrou que ano que vem a equipe vai disputar a primeira divisão que segundo ele é muito forte por isso a diretoria esta correndo atrás de reforços.


“Um ponto crucial para a ótima campanha, foi o apoio da torcida que joga junto com o time fez a festa mesmo com o vice campeonato” lembrou.


Na comemoração torcida e jogadores fizeram uma homenagem ao Jornal @ Nossa Voz, aproveitamos para parabeniza e agradece a todos os jogadores, diretoria a torcida pela carinho.

@ Nossa Voz Esporte

quinta-feira, 23 de Outubro de 2014

Barrocas: Instituto Yamana de Desenvolvimento apresenta projeto de cinema para associações


A reunião entre Yamana Gold, Secretaria de Agricultura, CDL de Barrocas, representantes de associações, ASCOOB e sociedade civil aconteceu no auditório do colégio Municipal de Barrocas nesta quinta-feira (23) por volta das 8:00h da manhã. 

O projeto que traz o cinema a comunidade barroquense, CINECO, por sinal aprovado pela população será ampliado com o apoio da Yamana Gold – MFB, a ser levado para povoados com associações que de dispuserem a manter o projeto. 

Na reunião também foram reforçados critérios do regulamento do Seminário de Parceria, que vem sendo trato em diversas reuniões com as associações participantes. Segundo o Gerente de Comunidades, Osvaldo Julio, o CINECO precisa ser encarado com muita responsabilidade; “A Associação deve manter o projeto por 24 meses, nesse período ela recebe o CINECO e fica responsável por manter todos os custos, o positivo disso é levar cultura, entretenimento para jovens, crianças, estudantes e moradores da comunidade”.



@ Nossa Voz - Por Victor Santos

Barroquense tem texto selecionado para Olímpiadas de Língua Portuguesa em Porto Alegre

"Orgulho barroquense"
A Barroquense Thaylle Oliveira Queiroz, 14 anos, teve sua crônica selecionada para participar da Etapa Regional da 4° Edição Olimpíadas de Língua Portuguesa, a ser realizada em Porto Alegre-RS nos dias 10 a 13 de novembro. 

A estudante mora no Bairro do Cedro, e após passar pela etapa Escolar, Etapa Municipal e Estadual ficando na 9° posição, concorrerá a semifinal no sul do país. Thaylle escreveu a crônica “O mapa do meu tesouro”, que poderá classificá-la para a Etapa Nacional em Brasília, que acontecerá em dezembro. Em conversa a equipe do JNV, Thaylle conta de onde tirou a inspiração; “Na época estava lendo um livro, que me ajudou a escrever, também tirei uma foto do lugar que vivo para usar características e desenvolver a crônica”.


Larissa Queiroz, professora de Língua Portuguesa se diz bastante orgulhosa com o desempenho da aluna e garantiu que o texto é exclusivo dela; “apenas adicionei uma vírgula” falou em risos. Perguntado como Thaylle é dentro de sala, respondeu “É uma das melhores da turma, fala e escreve muito bem” destacou. 

A Barroquense vai viajar acompanhada da Professora Larissa Queiroz em novembro, nos dias 10 a 13 de novembro, onde participará de oficinas de escrita.

@ Nossa Voz - Por Victor Santos

Quem se salva do julgamento do povo?

Essa matéria escrita pelo Diretor Rubenilson Nogueira foi publicada no Jornal Impresso Julho/Agosto - Edição de número 89, que circulou na cidade antes da eleição. porém ela nos parece muito pertinente neste momento, então decidimos por publica-lá também nesta página, vale a pena ler.



Quem se salva do julgamento do povo?

Depois de meses abalada pela derrota nas urnas (2012), aparentando não ter rumo definido e com futuro incerto, a oposição, aproveitando do momento eleitoral, através da Câmara de Vereadores começa a exercer o seu papal.

Talvez não por uma decisão explícita de defender os interesses do povo, mas pelo que aparenta, aproveitando-se do momento, pegando uma carona, aderindo às cobranças, diga-se de passagem, iniciada pela sociedade, em relação aos desacertos da administração municipal cada vez mais constantes. Os opositores vêem nesse movimento a possibilidade de um levante que lhes credenciaria para uma nova realidade já pensando em 2016.

Ainda não há denuncias formais, a fiscalização é mais uma força de expressão que não vai além das falas dos vereadores nas sessões, porém o clima criado principalmente pelas críticas vindas da população e da mídia independente, tem praticamente obrigado os edis a saírem do campo da crítica, impondo a necessidade da fiscalização e da busca por punições aos infratores.

Na oposição há quem prefira esperar, na linguagem política 'deixar sangrar', assim desgastando a imagem do governo sem a necessidade de uma ação judicial, que se acontecer, deixará a população e principalmente a juventude mais atenta e capaz de também impetrar ações inclusive aos futuros governos que virão.

Isso explica a preferência de alguns políticos barroquenses pelo denuncismo na internet, na maioria das vezes anônimos, do que o ingresso de denuncias formalizadas e com apresentação de provas, por exemplo, junto ao Ministério Público Estadual (MPE).

Enquanto isso, vereadores da situação, já dão sinais de que não se desgastarão numa defesa velada e comprometida, cada vez mais difícil de ser feita, assim evitariam que a população a cada dia mais revoltada e perplexa os julguem como cúmplices. Porém, todos sabem que há na política, situação e oposição, cada uma tem o seu papel nesse contexto.

Quem vai conseguir se salvar do julgamento popular?

Por Rubenilson Nogueira

Corpo de Barroquense que morreu em São Paulo será sepultado nesta quinta-feira em Barrocas.

José Milton Queiroz Oliveira, 34 anos morreu na casa de um amigo após sentir-se mal, familiares informaram que o carpinteiro tinha diabetes, o que pode ter contribuído para sua morte.

O avião que trará o copo partiu de São Paulo às 6 da manhã de hoje, e deverá chegar à Salvador nas próximas horas. Em seguida o corpo seguira para Barrocas. O sepultamento acontecerá às 17 horas no Cemitério Municipal. 

Tarcisio Queiroz o irmão mais novo de José Milton, conhecido como galego, postou uma mensagem no Facebook, falando sobre o irmão; “Meu irmão se foi e vai deixar muito saudades a todos nos, que Deus lhe coloque em um bom lugar. Hoje vai ser um dia muito difícil e que ele nos conforte e nos der muito força para superar essa dor imensa.
Você já ta me fazendo uma falta imensa, vou levar você sempre em meu coração, descanse em paz meu irmão querido”. 

@ Nossa Voz

Barrocas: Grupos políticos cruzam os braços para eleição presidencial.


Há três dias do segundo turno da eleição presidencial, em Barrocas pequena cidade do interior do estado, os grupos políticos seguem silenciosos quanto a campanha, tanto os Aecistas quanto os Dilmistas ainda não deram o ar da graça.

Nem o grupo que discretamente apóia Aécio, nem o Grupo que no primeiro turno escancarou apoio a Dilma, nem um nem outro iniciaram ainda os trabalho para que no dia 26 os seus candidatos tenham boa votação na cidade. Carros de som dificilmente aparecem, placas e cavaletes já não são exibidos, até os tradicionais Petistas estão quietos.

O prefeito Municipal, aliado do PT não se sabe se pela acirrada campanha, ou por falta da articulação segue distante de tudo.

A oposição talvez temendo mais a rejeição do que uma nova ‘derrota’, se muito fez foi colar adesivos pro Aécio em seus veículos. No fundo sabem que no nordeste e principalmente nas pequenas cidades a candidata petista é forte, ficar contra ela pode significar para o eleitor está contra uma série de melhorias que mudaram a vida das famílias, e isso para 2016 não é bom. Talvez esse seja o maior medo.

Já nas cidades vizinhas a situação é diferente, principalmente por parte dos prefeito, em Serrinha Osni reuniu a militância, segundo ele mesmo mais de 1 pessoas compareceram ao ato, o mesmo aconteceu em Coité onde o Prefeito Assis pediu empenho da militância para conseguirem uma votação ainda maior que no primeiro turno. Em Coité o Prefeito está visitando vários povoados com a sua comitiva.

Quanto a Barrocas, uma coisa é certa, vencendo Dilma ou Aécio vai ter muita gente comemorando, principalmente aqueles que preferiram cruzar os braços.

@ Nossa Voz da Redação

quarta-feira, 22 de Outubro de 2014

Barroquense conquista 3° lugar na 1ª Copa de Jiu Jitsu em Campo Limpo-SP

Barroquese usando o kimono com cores do exército
O trecheiro e atleta barroquense Cláudio Oliveira, conquistou no último domingo o 3° lugar na Copa de Jiu Jitsu em Campo Limpo-SP. Na disputa Cláudio subiu no tatame por três vezes, ganhando duas e perdendo apenas uma luta. 

Barroquense consegue
mais um título para Barrocas. 
“Perdi a chance de disputar o primeiro lugar por uma vantagem, vamos dizer que no futebol o outro time se classificou por ter um cartão amarelo a menos” comentou o atleta. Além de praticante do Jiu Jitsu, outra modalidade faz parte dos treinos do barroquense, o Muay Thai, arte marcial que cresce em Barrocas e se utiliza de socos, chutes, cotoveladas e joelhadas.

No tatame a disputa foi acirrada e obrigou o barroquense a dar o melhor de si, ao final foi parabenizado por lutadores experientes, Cláudio se diz injustiçado com o resultado, mas o reconhecimento do seu mestre foi suficiente; “Achei que poderia lutar pelo o primeiro mais foi mal organizado já jogaram um competidor diretamente pro primeiro” lamentou e completou; “Mais o Mestre falou que eu lutei bem e que fui bem isso é o que importa o reconhecimento do meu mestre”.
@ Nossa Voz Esportes


Barrocas: Usando um pé de cabra, ladrões arrombam Churrascaria e furtam bebidas.


A Churrascaria 3 Irmãos, localizada no Bairro do Cedro, foi arrombada e teve bebidas furtadas entre a noite da terça-feira e a madrugada desta quarta-feira (22). 

Segundo Ivan Queiroz, um dos proprietários, os ladrões utilizaram um pé de cabra para conseguir arrombar o portão e furtar várias bebidas. 

A segurança do estabelecimento foi reforçada para evitar novos arrombamentos. A política foi informada do ocorrido.

Um Pé de Cabra foi usado pelos ladrões
Ronda @ Nossa Voz

Barrocas: Diante dos constantes assaltos ficou perigoso até ira à igreja


Mais um roubo foi registrado em Barrocas, o sexto em 11 dias, desta vez , os ladrões tomaram a bolsa de uma senhora em frente ao Módulo Esportivo Nelson Avelino de Queiroz por volta das 20 horas.

Segundo relatos, dois homens numa moto, modelo não identificado, conseguiram puxar a bolsa da senhora Genilda conhecida como Gene do Finado José Roque ou Gene Pintora, quando ele seguia para casa de um irmão, em seguida fugiram em alta velocidade. Na bolsa estava um celular, a chave de casa e uma bíblia.

Comuns nos finais de semana, diante da impunidade, tudo indica que os ladrões resolveram agir também nos demais dias da semana em Barrocas, assim cada vez mais as ruas vão ficando desertas, com as pessoas temendo iram até à igreja.

População começa a cogitar a realização de um manifesto cobrando ação das autoridades políticas e das forças polícias.

Ronda @ Nossa Voz

Barrocas: Incêndio deixa residência parcialmente destruída no Povoado Alto da Porteira


Um incêndio que começou por voltas das 13h20min desta quarta-feira, deixou a casa da senhora Maria José e do senhor Carlos parcialmente destruída, as chamas queimaram tudo que estava no quarto, móveis e roupas e até uma pequena bicicleta.

As chamas só não chegaram aos demais cômodos graças ao trabalho dos vizinhos e de mães que estavam em reunião na escola do povoado e também correram para ajudar.


Dona Marinalva, tia de Neuzinha como é conhecida a dona da casa, foi a primeira a perceber a fumaça saindo do telhado da casa, apesar da idade ela saiu correndo avisando os vizinhos que se mobilizaram para ajudar.

Dona Marinalva
“Quando percebi que tava fumaçando, aí corri pra chamar as pessoas do colégio e um vizinho foi chamar a família”, segundo Dona Marinalva teve pessoas que entraram no fogo para salvar parte dos móveis. 

Mauro Caetano
“Eu estava trabalhando na casa de um vizinho e quando ficamos sabendo aí corremos arrombamos a porta, tiramos o botijão e começamos a jogar baldes com água, mas não início não conseguimos, aí chegou mais gente e com muita luta, uns ai pegando água outros jogando até que apagamos” disse Mauro Caetano que acredita na participação de mais de 15 pessoas ‘lutando’ para apagar as chamas.

O pedreiro Gildo disse qu parte da estrutura da casa está condenada e por isso será necessário uma reforma. Professores da Escola Municipal do Alto da Porteira informaram que irão lançar uma campanha para ajudar a família; “Vamos sim contribuir, vamos nos comércios, nas casa, faremos o que for preciso para ajudar” garantiu Marcílio Oliveira.

Maria José e o esposo Carlos estavam no trabalho quando tudo aconteceu, bastante abalada ela conversou com nossa equipe, chorando agradeceu a Deus pelos 2 filhos, um menino de 9 anos e uma menina de 5 estarem bem. Ao saber que uma campanha seria laçada, agradeceu e disse que toda ajuda será bem vinda. O esposo só deverá chegar em casa à noite.


Não se sabe ao certo o que provocou o incêndio, a cerca de 20 metros da casa havia algumas cepas de sisal sendo queimadas. Algumas pessoas acreditam que faíscas podem ter sido levadas pelo vento até a casa, outras imaginam que um curto circuito pode ter provocado o incêndio.

Mais fotos clique abaixo...

INFORME YAMANA


Barrocas: Suposto ladrão de celular, responde mensagens via whatsapp

Ameaças enviadas pelo suposto ladrão

Na noite do último sábado (18) , homens armados roubaram celulares de duas jovens, próximo a Rua Manoel Miguel, os ladrões estavam em uma motocicleta, Honda, cor preta.

Um dia após o roubo, o celular de uma das jovens foi usado para enviar mensagens através do aplicativo whatsapp. O suposto ladrão postou mensagens num grupo intitulado "The Zoeira Never Ends", numa delas ele pedia que fosse enviado vídeos pornôs, logo foi questionado pelo Repórter Victor Santos da nossa equipe que também fazia parte do grupo e alertou os demais membros que não se tratava da Jovem, pois o aparelho dela havia sido roubado.

O suposto ladrão chegou a fazer ameaças, veja;


Após o episódio ele não fez novas postagens nem respondeu a questionamentos feitos pela mesma rede social. A vítima, utilizando o Facebook alertou os amigos;


Segundo informações de quem entende de configuração de celulares, o ladrão pode ter trocado o chip do aparelho porém sem saber, seguiu usando a mesma conta no whatsapp que seria da vítima.

@ Nossa Voz

Carpinteiro Barroquense é encontrado morto por amigo ao retornar do trabalho.

José Milton Queiroz de Oliveira, 34 anos, carpinteiro, conhecido como Galego, foi encontrado morto por um amigo no início da noite de ontem, as causas da morte ainda são desconhecidas.


Segundo o barroquense conhecido como Zinho, José Milton teria saído de Jabaquara, bairro onde morava em São Paulo Capital para passar o final de semana no Grajaú na casa do conterrâneo e amigo Popo Araújo, popular Nego, como era de costume. Ontem quando Nego estava saído para o trabalho, José Nilton falou que estava com falta de ar, mas disse que o amigo poderia ir tranquilo trabalhar que ele procuraria um hospital.

No final da tarde, Nego retornou do trabalho e precisou pular o muro para entrar na casa, pois o amigo não atendia aos chamados, logo encontrou José Milton já sem vida.

O corpo encontra-se no IML e deverá ser liberado até as 18 horas de hoje. Um irmão acompanhará o corpo no traslado para Barrocas onde deverá ser sepultado.

“É um momento difícil pra gente, somos amigos de infância, ninguém esperava acontecer isso com ele” lamentou Zinho que falou por telefone com nossa equipe.

@ Nossa Voz

terça-feira, 21 de Outubro de 2014

Barrocas: Última Sessão da Câmara de Vereadores foi marcada por declarações polêmicas


O Vereador José Santiago, o Nitinho da Ladeira, em seu discurso fez o convite para o lançamento do Plano Municipal de Saneamento Básico, lançado no ultimo sábado (18) ; “Barrocas entre os 200 municípios que foram sorteados, Barrocas ficou entre os 50 e ganhou esse prêmio de organização dos projetos...” “... O município de Barrocas foi agraciado com essa organização, que vão deixar a cidade apta a receber grandes projetos na área de saneamento e ambienta, principalmente o destino do lixo”. Disse.

O Vereador João Luiz Damião, o Dudinha da Minação, lamentou a poda de árvores no Povoado de Minação que segundo ele ao invés de ajudar está fazendo ‘sujeira’ na rua. Pediu mais atenção com os jardins de Minação, local que segundo o vereador uma máquina de sua propriedade regava por sua conta, mas por ter surgido comentários de que ele recebia 4 mil reais por mês pelo serviço ele parou, desde então o jardim está abandonado. Questionou aos vereadores a respeito de comentários dando conta de que alguns funcionários da saúde poderiam trabalhar sem receber apenas para manter-se no cargo; “Se isso for verdade é um absurdo né vereador, agora não sei se é uma atitude de secretário, não sei se é atitude de prefeito, mas que o ano passado trabalharam e não receberam e que agora tão com o mesmo problema isso é verdade”. Lamentou. 


Vereador Miguel Carvalho (DEM)
Miguel Carvalho voltou a falar sobre um polêmico projeto de lei de sua autoria, segundo o edil em virtudes dos roubos, capacetes devem ser proibidos dentro de centro da cidade; “Fiz consciente, estou aqui se eu fosse o prefeito tinha sancionado uma lei proibindo usar a mascara que bandido se esconde oficialmente pelo Governo Federal dentro das cidades”. Guel Comentou o discurso do vereador Dudinha; “O Funcionário sob ameaça de trabalhar dois meses para não perder o emprego depois, dois meses de graças para repetir o contrato no próximo ano, aí é o que eu chamo de ditadura violenta”. Disse. 

Miguel criticou duramente as empresas que fazem conservação de jardinagem verde no município; “Ano passado foi levado R$ 900.000,00 (novecentos mil reais) de molhação de jardinagem”. “...eu digo mais ainda, e já desafiei aqui, não tem uma lata d’agua jogada por esta firma no município de Barrocas”. Falou do consumo combustível de gasolina; “40.000 mil litros de gasolina por mês, e muitas vezes você ver carro que não pode faltar de jeito nenhum parado porque não tem combustível para rodar”. “Não tem cabimento pagar uma empresa R$ 150.000,00 (cento e cinquenta mil) o mês passado essa V dos Santos ‘panhou’ de capinação de ruas, esse mês já vai em R$ 60.000,00 (sessenta mil reais) dias 16 e vai fechar R$ 100.000,00 (cem mil) também”. lamentou.


Vereador Gerinaldo (PT)
Gerinaldo Moreira justificou sua ausência na sessão anterior, parabenizou os vereadores pelo apoio a seus respectivos deputados, lastimou os institutos de pesquisas do estado ;“Mais uma vez a Bahia foi vítima de uma rede globo, TV Bahia, de um Ibope, de uma Datafolha que não tem mais credibilidade para fazer pesquisas nesse nosso estado”. Justificou dizendo que qualquer outro instituto menor que os citados, têm mais credibilidade com ele. O vereador respondeu os questionamentos dos vereadores Dudinha e Miguel Carvalho do possível tempo de trabalho sem receber na saúde; “Em momento algum eu ouvir do secretário, ou do prefeito, ou de pessoas da administração ‘ou você trabalha de graça aqui 30 ou então para o ano, eu mesmo não ouvi’... “Eu digo a vocês com toda certeza do mundo não há possibilidade, não há previsão de corte com relação ou melhor, a dotação orçamentária tá dentro da previsão ainda pelo que conversei com o secretário semana passada”. 


O Vereador Adelson, líder do governo na Câmara relembrou um pedido ao gestor feito por ele, no inicio do ano; “O prefeito esteve aqui no legislativo, eu pedi ao prefeito que fizesse um trabalho para que este ano não viesse acontecer rumores que vem acontecendo agora no município sobre funcionários”. Contou ainda que as vezes o prefeito age com boa vontade e é levado pela emoção ao invés da razão. Na campanha para Deputado o vereador Adelson relembrou alguns atos que o prefeito deveria se espelhar; “Eu vim agora de uma campanha política dentro da razão não dentro da emoção, se eu fosse fazer a campanha política dentro da emoção eu estaria hoje ‘queimado’ no município e não teria compromisso com o povo, porque é muitos pedidos e não podemos acatar todos”. Disse.

O 1° Secretário Zé Inácio defendeu o discurso do vereador Miguel Carvalho sobre a proibição do capacete no perímetro urbano “A gente ver hoje 90% dos crimes é questão de moto, o ladrão vem de moto, encapuzado, aí acontece às coisas, tanto de morte, como de roubos, agora celular virou brincadeira”. Criticou um episódio acontecido com ele e uma pessoa que necessitou de transporte; “Eu pedi o carro para saúde não para passear, acabei que nem peguei o carro”. Relembrou que em seu mandato tem feito o possível para deixar parentes de fora de cargos público, pois segundo ele evita comentários negativos.


O Presidente da Câmara de Vereadores Eclécio Kekeu relatou discursos seus em torno do Plano Municipal de Saneamento básico, relembrou o suposto funcionário concursado que não vem cumprindo com suas obrigações no suporte a bacia elevatória. Comentou o projeto para os guardas municipais e uma reunião com a categoria. Chamou a atenção do problema com o posto avançado da Caixa, popular ‘Caixinha’; “Precisamos rever, houve um problema, passou mais ou menos dois meses fechado o caixa, [questionou aos vereadores sobre a loteria], que está em funcionamento”. O vereador procurou o gerente da Caixa Econômica o Sr. Santiago e disse que o problema estava no proprietário; “Ele me disse que o problema da Caixa de Barrocas está no proprietário o Sr. Edilson que teria que resolver o problema”. Não conseguindo contato com Edilson, Kekeu procurou o filho que rebateu informando que o problema é com a Caixa Econômica. Segundo Kekeu a movimentação que estava em torno de R$ 1.000,00 reais sofreu redução para R$ 500,00 reais e agora é de apenas R$ 300,00 reais por pessoa, levando os aposentados a irem mesmo com medo sacar o dinheiro em Serrinha; "isso acaba prejudicando também o comércio local, pois muitos acabam gastando o dinheiro lá mesmo em Serrinha" lamentou.

Antônio Lima parabenizou o dia do professor pela pessoa de Ivan da Minação e Nitinho. Falou dos problemas no transporte escolar do município; “São transportes inadequados, velho, acabados, que às vezes coloca até os nossos alunos em risco, que às vezes até como a gente já percebeu, já viu, já presenciou motorista sem habilitação, ou às vezes motorista de menor dirigindo”. Sobre as exonerações Antonio Lima analisou como falta de planejamento por parte da Prefeitura; “Superfaturamento de notas, essa parte de capinar calçamento, roçar estradas e limpar barragem que na verdade nunca fizeram nada, não tem nada ver com dinheiro público que saí, na verdade é um desvio de verba pública que faz com que quando você chegue em novembro e dezembro não tem como pagar as pessoas que estão trabalhando”, afirmou.

Apesar de pequeno, público foi o melhor dos últimos dias
@ Nossa Voz - Por Victor Santos