quinta-feira, 30 de Outubro de 2014






Barrocas: Onda de assaltos continua, menor teve seu celular roubado no centro da cidade


Infelizmente os assaltos a mão armada em Barrocas parecem não terem fim, as características são sempre as mesmas, dois indivíduos numa moto, armados anunciam o assalto e levam apenas os celular das vitimas.

O último aconteceu por volta das 19:30h desta quinta-feira (30), quando um menor (13 anos) seguia para a academia de arte marcial, chegando na Rua Maria Luiza, onde mora o Vereador Adelson, uma moto Honda pop 100 de cor escura, passou em alta velocidade bem ao lado da vítima, segundos depois ele afirma que ouviu a frenagem da moto; “ouvi eles freiando a moto,  aí deram meia volta, e eu já percebi que era um assalto”, relatou o menor que assustado tentou andar mais rápido, porém os indivíduos se aproximaram, o carona sacou a arma e anunciou o assalto; “Passa maluco”. 

O aparelho celular foi levado sem que a vítima reconhece-se os ladrões. A família procurou o DPM de Barrocas e informou o ocorrido, logo uma viatura da Polícia Militar iniciou as rondas pela cidade em busca dos ladrões.

@ Nossa Voz - Por Victor Santos

Barrocas: Em meio a pedidos de exoneração, Secretário visita Posto de Saúde em Santa Rosa


Nesta quinta-feira (3), o Secretário de Saúde Gerival Moreira, acompanhou o Secretário de Obras e Infraestrutura José Queiroz, o Dê, em uma visita às instalações da Unidade Básica de Saúde da Família do Bairro de Santa Rosa.

A obra iniciada em gestões anteriores, no ano de 2011, se arrasta a anos sem que seja concluída e entregue a população, mas segundo postagem feito pelo Secretário, tratando da visita, restam detalhes para a inauguração. Na época o então secretário do PT, Partido dos Trabalhadores chegou a cobrar o início dos trabalhos (ver).

Gerival Moreira é alvo de uma Petição Pública que pede sua exoneração do cargo por supostas negligências na pasta.


@ Nossa Voz

Jovem jogador barroquense, tem carreira promissora.


O meia atacante Vagner Barreto Queiroz, conhecido como Guinho, natural do Povoado de Ladeira Zona Rural de Barrocas, está em Fortaleza Ceará sendo avaliado na base do Floresta Esporte Clube.

Guinho apesar da pouca idade (16 anos) disputou neste ano o Campeonato Rural de Barrocas pelo Grêmio da Ladeira e foi um dos destaques da Seleção Barroquense de Futebol Sub17 que disputou a Copa do Requeijão. Já no futsal jogou a Copa Sertaneja sendo um dos titulares.

Há um mês no grupo o barroquense, segundo seu procurador Samuel Carvalho, está sendo observado pelo Corinthians, o jogador sonha com a possibilidade de um dia disputar a Copinha São Paulo.

Pelo Floresta, Guinho deverá disputar o Campeonato Antônio Pereira, a equipe já encontra-se em fase de preparação. 

Guinho disse que está gostando do Clube e tem esperança de fazer um bom campeonato; “Assim que cheguei todos mim apoiaram, e gostaram do meu futebol, já estou mim preparando para estrear, só estava faltando a documentação mas já foi apresentada, espero ser logo relacionado” disse. Ainda segundo o jogador a equipe tem ótimo estrutura, contando com 4 campos para treinamentos, academia, alojamento e oferece apoio escolar; “Só falta agora mim Federar, mas já está tudo encaminhado”.

O jogador acredita que está apresentando bom futebol, pois tem sido elogiado pelos dirigentes que logo demostraram vontade de contar com ele no elenco. Para o atleta o bom futebol é fruto dos treinamos com os Professores barroquenses Jeremias, Roque Mota e Paulino Capoteira

@ Nossa Voz Esportes - Rubenilson Nogueira

quarta-feira, 29 de Outubro de 2014

Barrocas: Fechado recentemente, acesso a Quadra de Esportes da Escola Jorge Luiz, está sendo reaberto.


Através da Secretaria de Obras, o acesso que havia sido aberto pela própria Prefeitura para que os jovens utilizassem a única Quadra da Escola do bairro do Matadouro foi novamente fechado.

Não temos informações sobre o que motivou o fechamento, mas, não demorou muito para começar a ser reaberto, um morador da área ao ver a cena, protestou, ele afirma trata-se de uma ação de vândalos e diz que usuários de drogas estaria buscando o acesso para que à noite utilizem o local para consumiram entorpecentes.

Segundo ele a Polícia não age no bairro; "tão rebentando o muro da Escola Jorge Luiz, para fazer uso de drogas e a Polícia faz vista grossa, finge que não tá vendo nada" desabafou.

Vale registrar que trata-se de um bairro carente e que não dispõe de local para pratica de atividades esportivas nem de lazer, sendo a Quadra o único local que antes era utilizado pela juventude, mesmo em condições precárias.

Situação atual, registrada pelo morador, nesta quarta-feira (29)
@ Nossa Voz

Barrocas: Mutirão vai reformar casa parcialmente destruída pelo fogo


A residência da senhora Maria José e do senhor Carlos, no Povoado de Alto da Porteira, ficou parcialmente destruída depois de um incêndio, o estrago só não foi maior devido a ação rápida dos moradores.

No mesmo dia da tragédia, professores da Escola Municipal da localidade se dispuseram a unirem-se com os moradores para recuperar a casa, conseguir móveis e roupas e assim ajudar a família. O jovem Marcílio Oliveira que atua na Escola com o Projeto PAE articulou através das redes sociais uma campanha para arrecadar fundos e principalmente materiais de construção.

Nesta quinta-feira (29), Marcílio anunciou que no próximo domingo haverá um mutirão para derrubar e reerguer a residência; "O grande mutirão para derrubar e reconstruir a casa da Sr. Nenzinha será neste domingo. Conto com a presença de todos, lembrando que já foi doado uma parte só está faltando mesmo o telhado que já está a caminho se Deus quiser será para derrubar e levantar as paredes. Levem ferramentas!” convocou o jovem.

Segundo Marcílio, foram muitos os apoios, comerciantes, políticos e populares contribuíram com a campanha, por isso ele fez questão de agradecer; “Quero agradecer a todos que doaram o que podiam, para esta família, aqueles que olharam com bons olhos, e fizeram um bem a esta família, que Deus ilumine sempre seus caminhos e que nunca falte nada a vocês”, Marcílio só lamentou a negativa de alguns, que segundo ele optaram pela politicagem; “Que Deus olhe por eles também”, disse.

O mutirão está previsto para começar às 7 da manhã do domingo dia 2 de novembro.

@ Nossa Voz

terça-feira, 28 de Outubro de 2014

Barrocas: Com presença de Cidadão, Sessão teve reivindicação e pra manter a linha, Denuncias e polêmicas.


Por ter solicitado anteriormente, o morador Reginaldo Lima Ferreira (Rege) foi à tribuna cobrar melhorias para o povoado de Baraúna do Rumo onde mora (ver), em seguida os vereadores fizeram seus pronunciamentos. 



O vereador Miguel Carvalho, afirmou que vai apresentar nas próximas sessões nomes dos supostos marajás que segundo ele recebem até 10 mil reais por mês da Prefeitura Municipal e não trabalham. Guel parabenizou o Jornal A Nossa Voz pelo trabalho de levar informações para a população, segundo o edil até ligação de São Paulo ele recebeu depois de uma postagem tratando de uma denúncia feito por ele, e reafirmou o que havia dito; “Mais de 200.000,00 (duzentos mil reais) do Município de Barrocas vai para forasteiros e marajás, eu continuo afirmando, inclusive as provas estão em minha casa 'guardadinha’ com nomes”. “Eu vou dar alguns nomes, eu nem trouxe a lista, mas está aqui na minha memória, Jonas Coutos, assessoria do prefeito, parece que é de Feira de Santana, nem sei de onde é”. E lançou um desafio perguntando onde fica a sala dele na Prefeitura ou se alguém já viu, e ainda listou o salario dele; “Leva todo mês R$ 10.000,00 mil reais, se corta esse cara abre vaga para 10 pessoas de Barrocas para ficar trabalhando”. O vereador também criticou valores que segundo ele ainda são pagos referente ao São João de 2014 em Barrocas; “todo mês saí dinheiro pra esse São João milionário”. Miguel também questionou se o Hospital Municipal está entregando soja para a alimentação. Convidou a empresa V dos Santos e Prefeito a dar esclarecimento a população na próxima Sessão.


O Vereador Gerinaldo Moreira, iniciou falando sobre o Povoado de Baraúna do Rumo; “importante que a comunidade traga as suas manifestações aqui para sessão, e Rege trouxe a tribuna as reivindicações”, lamentou as limpezas que segundo ele iniciaram e não foram concluída na comunidade. Trouxe uma pesquisa de intensão de voto na qual a petista Dilma aparecia com 54% contra 46% de Aécio. Criticou duramente o Secretário de Cultura Esporte e Lazer, segundo o vereador o único Secretario Municipal que não faz nada e só fala mal do prefeito é ele; “Eu não vejo o trabalho do Secretário de Esporte Rubenilson Nogueira”, e acrescentou “...O cara não faz nada, fico indignado... o secretário de esporte ao invés de ficar com a língua miserável e ficar falando mal de tudo e de todos, inclusive do seu próprio patrão que é o próprio prefeito, eu nunca vi um cara falar tão mal do patrão como o secretário de esporte, o ‘miserável”. O vereador do Partido dos Trabalhadores (PT) relembrou que a festa de são joão pertence a pasta da Secretaria de Cultura, Esporte e Lazer. E desafiou; “Um dos que recebe sem trabalhar aqui é ele, eu desafio aqui os secretários que trabalham, e o único é ele”. E finalizou “Eu fui lá levar uma documentação, fui lá buscar, fui lá cobrar de novo, fui lá pedir, fui lá reivindicar, e em nenhum desses momento encontrei o secretário na secretaria” protestou. O vereador foi interrompido pelo colega Miguel Carvalho, que questionou se Rubenilson fala mal ou se fala a verdade do que acontece no município através do veículo de comunicação que Dirige; "Agora, o secretário tá falando mal do prefeito ou falando a verdade" e completou "...ele está alertando o prefeito pra melhorar, coisa que eu faço aqui a 3 anos" disse Guel de Quinca. 



O vereador João Luiz, o Dudinha falou de um questionamento feito ao secretário de Obras e Infraestrutura, José Queiroz (Dê) e revelou a difícil situação que operários passam no município; “Eu perguntei a ele se ia construir a pavimentação em Minação ou se ia parar, e disse que se parasse a rua estaria fechada... os funcionários que estavam batendo as pedras e os meio fio, venderam até cimento para poder não passa fome lá que eles estavam alojado em uma casa, e venderam cimento para poderem se alimentarem, e vieram embora porque disseram que a obra estava suspensa” denunciou. 

O vereador Antonio Lima, Tonho da Loja, chamou as exonerações de ‘demissões absurdas’; “bastava tirar um pouco deste desvio de verba de capinar calçamento, de roças estrada, de molhar jardim que é necessário, mas que a gente não ver molhando, basta tirar um pouco deste desvio para não precisar demitir ninguém” afirmou. Tonho lamentou o problema da segurança pública na cidade; “assalto aqui em Barrocas virou moda”. E declarou que por esse motivo não vem contratando mais funcionários da zona rural; “eu parei até de botar funcionário de povoado, porque nenhum quer trabalhar mais, vontade de trabalhar tem, precisa de serviço, mas tem medo de embora 6:30 e 7h da noite". 



O vereador Waldir Ferreira, o Dida comentou sua participação na reunião da primeira etapa do Plano Municipal de Saneamento Básico. Mais uma vez reforçou a revitalização do Açude Municipal, que poderia ser uma área de lazer, gerando emprego e renda. Tocou num assunto que nenhum vereador da situação havia destacado, a retomada das obras do Matadouro Municipal e Estádio; “Eu me fiz presente com o prefeito, secretário de obras, ex-prefeito Edilson e representante da obra, dizer que o matadouro devido ao abandono roubaram algumas portas e quebraram o forro, mas o prefeito e ex-prefeito entraram em acordo” e disse mais “[a obra] Está a todo vapor, esperamos que não pare, o prazo de entrega é até em abril’’. E comentou sua indicação e o projeto de lei, que versa e Institui o Programa para Recuperação de Créditos Fiscais.



O vereador Adelson da Saúde líder do governo na câmara, disse lamentar o caos da segurança pública, pediu que policiais fizessem rondas na cidade para diminuir os roubos no município e cobrou também da Guarda Municipal, mas disse que ver sempre a GM rodando e às vezes mais que as polícias. Relatou que existe um projeto seu em parceria com o Governo do Estado para aquisição de um aparelho Ultrassom, e outro equipamento para ultrassonografia, projetos apresentados na câmara de vereadores por ele; “Serão melhorias para o município, vamos conversar com o Prefeito para garantir esses benefícios para Barrocas”. Disse.

Zé Inácio lamentou a perca de honrosos cidadãos do município como o senhor Nenzinho da Lagoa do Velho e o jovem José Milton, conhecido como Galego. O vereador disse que tomou conhecimento da pavimentação que iniciou e não concluiu em Minação, e procurou o prefeito e secretário de obras; “Temos que ter um cronograma de trabalho, pra que não comece as obras de pavimentação e não conclua”.



Presidente da Câmara José Eclécio, Kekeu, declarou seu sentimento às famílias dos falecidos. Lastimou o episodio que uma residência foi parcialmente destruída pelo fogo; “A gente pede que a população ajude essa família, acredito que nos vereadores vamos ajudar essa família”. O Presidente, parabenizou o jovem Marcílio Oliveira pela sua dedicação. Citou a obra de Minação, disse que iria pesquisar o valor, e acredita não ter sido todo o valor que o vereador Miguel Carvalho disse, ou seja R$ 200.000,00, (duzentos mil reais) , e e cobrou do líder do governo para na próxima sessão apresentar os valores da obra. Na área da segurança o edil disse que o problema não é exclusivo de Barrocas e sim do todo Brasil, e comentou; “Quando se investe forte em educação vai ter muito menos bandido, jovens terão a mentalidade das coisas certas” garantiu. 

A Sessão contou com público pequeno porém maior que Sessões anteriores. Pouco se falou do 2º turno da eleição para presidente.

@ Nossa Voz por Victor Santos

Barrocas: ASCOOB promove dia especial para crianças e seus pais.


Na manhã desta terça-feira (28) a Cooperativa de Crédito, ASCOOB Sisal promoveu para crianças e pais diversas atividades.

Enquanto os pais assistiam uma palestra sobre educação financeira no auditório do antigo Plínio Carneiro, seus filhos participavam da distribuição de doces, brindes, algodão doce além do passeio no trenzinho da alegria e muita diversão no pula-pula, tudo gratuitamente promovida pela cooperativa que atua fortemente na área social.


Apesar do feriado do funcionário público, a Praça da Matriz foi tomada pela alegria das crianças de Barrocas, vindos de Escolas Públicas, da sede e zona rural e privadas a exemplo da Escolinha Pinte o Sete e ABC em Cores, num total de 100 crianças participaram do evento.


Distribuição de brindes
Um dos diretores do ASCOOB, o barroquense José Celestino, demostrou-se satisfeito com o evento, apesar da falta de energia na cidade pela manhã, o evento não foi afetado, funcionários e professores ajudaram na organização e acompanhamento das crianças nas ações que ocorreram durante toda manhã.

Equipe ASCOOB - Ao centro o Diretor José Celestino
Este é o segundo evento promovido pela ASCOOB Sisal, agencia Barrocas neste ano, onde a população é sempre beneficiada, sempre dentro da realidade dos programas oferecidos pela cooperativa.

Pais recebem palestra sobre educação financeira

@ Nossa Voz - Por Victor Santos

Morador vai a tribuna da Câmara cobrar ações no povoado de Baraúna do Rumo

Em visita anterior, moradores do povoado de Baraúna do Rumo, provocaram uma reunião entre prefeito, vice e vereadores na localidade, desde então o alvo de cobranças dos moradores da localidade é o Legislativo Municipal.

Na Sessão da quinta-feira (23) Reginaldo subiu na tribuna para questionar o que chamou de "desmandos" com o povoado onde vive. 

A primeira reivindicação foi a limpeza dos tanques, segundo Rege o prefeito José Almir e o vice-prefeito Joilton sabiam da situação e só agiram depois da ameaça de fechar a estrada de acesso à Mineração Fazenda Brasileiro. 

Rege também falou da iluminação do povoado; “Os postes tem o braço, mas não tinha luz”. E o ultimo assunto tratado por Rege foi às traves do socyite, segundo ele as traves foram compradas a oito meses e não entregaram, e questionou; “E quero saber onde essas traves ‘tá’ senhores vereadores?”. 

Os questionamentos foram ouvido por todos os vereadores inclusive pelo líder do Governo , o vereador Adelson da Saúde , que foi cobrado pelo Presidente da Casa José Eclécio,  a procurar o Prefeito Municipal e trazer as respostas na próxima sessão.


As cobranças surtiram efeito, um dia após a ida do cidadão a Câmara, o vice-prefeito Joilton (Tita) postou em seu perfil no Facebook, fotos que mostram tanto os serviços na iluminação, como máquinas trabalhando numa aguada do povoado; "Visitando a comunidade de Baraúna do Rumo; onde foi realizado serviços de reparo da iluminação e limpeza de aguadas" escreveu.

Fotos Reprodução Facebook
@ Nossa Voz - Colaborou Victor Santos

Do Oiapoque ao Chuí, barroquenses estão nos diversos canteiros de obra do país

No estaleiro onde batem o ponto pra ir pro campo
Difícil haver uma grande obra no Brasil, já concluída ou em construção, que não tenha tido a participação de um barroquense, da transposição do São Francisco no Nordeste aos Estádios da Copa nas diversas regiões do país.

Para trazer essa realidade conversamos com o operário Dejan Ferreira 27 anos. Dejan e outros dois barroquenses, estão há milhares de quilômetros de distância da terra natal Barrocas, trabalham na instalação de bases para Aerogeradores (cataventos)de energia Eólica no Estado do Rio Grande do Sul na fronteira do Brasil com o Uruguai.

O barroquense contou que os trabalhos acontecem na cidade de Santa Vitória do Palmar, localizada há apenas 17km do Chuí, extremo Sul do pais. 


A distância da família e dos amigos foi a principal dificuldade mencionada pelo operário, que também lembrou do frio e da dificuldade de conseguir transporte para a Capital porto Alegre; “A pior parte é está longe da família perdendo os melhores momento bom e está longe nas horas difíceis. Eu mesmo perdi uma festa da minha vó D.Maria, 70 anos, a família toda só faltou eu. Lamentou Dejan, para em seguida dizer que até se emociona em falar. 

O armador Dejan disse que em breve vai está aniversariando, mas não sabe se poderar está com as pessoas que ama; “Faço 28 anos no dia 2 de dezembro, nem sei se vou está ai com a família é muito difícil cara essa vida da gente do trecho, ate mim emociono só de ta falado sobre isso”.

No barraco chegando do trabalho
Dejan disse que ele e os companheiros, Edson Anjos e Geronimo dos Santos acompanham as notícias de Barrocas através do JNV e lamentam a onde de violência que tomou conta da cidade; “Sempre estamos vendo as notícias pelo jornal@nossavoz, ai tá perigoso quem era Barrocas a gente andava de madrugada hoje nem mas cedo você pode sair, não conto os dia que saia dai do Dany Lazer Center tarde da noite” recordou.

Num dos raros momentos de lazer - Praia do Rio Grande do Sul
Milhares de Barroquenses estão distante de sua terra natal assim como Dejan Ferreira, a abstenção na eleição mostrou isso, dos mais de 12 eleitores, pouco mais de 9 mil compareceram às urnas para votar.

Os chamados trecheiros nem sempre tem o devido reconhecimento, os homens que deixam suas famílias e partem em busca de uma vida melhor, injetam mensalmente na economia da cidade recursos suficientes para aquecer a economia local, mas sequer são lembrados pelas autoridades políticas, nem mesmo um monumento há em Barrocas reconhecendo a importância desses homens para esse pequena cidade do interior do estado. Enquanto isso não acontece eles deixam suas contribuições pelo Brasil a fora, do Oiapoque ao Chuí. 

@ Nossa Voz – Por Rubenilson Nogueira

segunda-feira, 27 de Outubro de 2014

Cidade emancipada junto com Barrocas deu maioria dos votos a Aécio Neves.


Assim como Barrocas, a cidade de Luís Eduardo Magalhães, localizada no extremo oeste do estado da Bahia, foi emancipada no ano de 2000. Luiz Eduardo é um dos municípios que mais se desenvolvem no estado, sendo atualmente a 10ª Economia Baiana. 

Os eleitores das duas cidades voltaram às urnas neste domingo para votar nos candidatos a presidente, porém votaram de forma diferente.

Em Luiz Eduardo o prefeito Humberto Santa Cruz (PP) – cujo partido apoiou tanto Dilma como o governador eleito Rui Costa – não conseguiu transferir votos para a petista, que recebeu apenas 45,31% dos sufrágios na cidade. Aécio conseguiu a maioria no município, com 54,68%. 

Já em Barrocas, administrada atualmente pelo Prefeito José Almir (PR), o eleitor preferiu a Petista Dilma Rousseff, dando a ela 78,10% dos votos válidos contra 21,90%do Tucano. Há quem diga que a totalidade dos votos não teve influência do Prefeito Municipal, porém aliados afirmam que foi uma vitória do Grupo liderado por ele.

Neste 2º turno Aécio superou Dilma em apenas 5 cidades baianas, Luiz Eduardo Magalhães, Vitória da Conquista, Itapetinga, Buerarema e Eunápolis.

@ Nossa Voz - Por Rubenilson Nogueira

Reeleita Dilma Rousseff teve mais de 7 mil votos em Barrocas


Mesmo sem campanhas efetivas, ambos os candidatos a presidente conseguiram em Barrocas mais votos do que no 1º turno, Dilma oscilou positivamente de 6.765 para 7.042 votos, já Aécio que recebeu 1.355 votos no 1º turno e conseguiu 1.975 votos ontem.

Assim que a apuração foi encerrada, eleitores de Dilma Rousseff iniciaram a comemoração, um grande número de pessoas foi a Praça da Matriz, carreatas percorreram diversas ruas da cidade, fogos estouraram no céu.

A expressiva vitória de Dilma em Barrocas, com mais de 78% dos votos válidos, 5.062 de frente, era percebida pela postura do eleitor que não escondia sua opção de voto, era comum não só encontrar pessoas com adesivos no peito, mas também defendendo o voto na petista, principalmente nas redes sociais, mas também nas ruas; "Trabalhei 25 anos na minha vida e não podia comprar uma bicicleta, hoje vocês jovens tão comprando motos e carros, o povo todo vive melhor então eu voto Dilma e Lula " disse um senhor aparentando 60 anos de idade, enquanto esperava para votar sem adesivo de candidato.

@ Nossa Voz – Por Rubenilson Nogueira

domingo, 26 de Outubro de 2014

Eleições: Barrocas tem Ruas praticamente vazias na tarde deste domingo


Às 15 horas deste domingo, a eleição segue tranquila em Barrocas, a Avenida Antonio Pinheiro da Mota, acesso ao Colégio Municipal, onde está concentrada a maioria das urnas apresenta pouco fluxo de pessoas.

Mesários que conversaram com nossa equipe disseram que o número de abstenção não está tão alto, mas deverá ser bem maior que do primeiro turno. 

Conseguimos números de duas Sessões do Colégio Municipal, numa delas dos 319 eleitores, 222 haviam votado, na outra, dos 319,  238 eleitoras votaram até às 15:40. O Barroquense está voltando às urnas para exercer o seu dever de cidadão neste segundo turno.

O que explica a pouca concentração de pessoas no entorno das sessões, é mesmo a falta de uma disputa mais acirrada como acontece no primeiro turno, principalmente devido ao voto para Deputados, tão disputados por cabos eleitorais; “Nessa não rola dinheiro, por isso não há muito interesse dos cabos eleitorais”, afirmou um cidadão que preferiu não se identificar.

Por ser voto único o eleitor vota com rapidez e logo retorna para casa de onde vai aguardar o resultado. Uma professora chegou a brincar, dizendo; "Foi mais rápido que enviar um -e-mail".

Como no sábado o número de eleitores que expõem sua preferência de voto é grande, muitos exibem adesivos no peito, alguns vestem camisas nas cores do partido preferido.

@ Nossa Voz

Segundo Turno: Tranquilidade marca o pleito eleitoral em Barrocas


O eleitor não está enfrentando dificuldades para votar no município de Barrocas, pela manhã não houve registro de conflito, os conhecidos cabos eleitorais não são visto pelo menos nas sessões da sede.

Segundo mesários, por ser apenas um voto facilita para o eleitor e agiliza o processo evitando filas.

O comerciante Gelson da Farinha votou pela manhã e falou sobre o pleito no município; “Eleição sossegada, o trabalho que era pra ser feito foi feito até ontem, e hoje as pessoas estão tendo tranquilidade para votar”.

O ex-vereador Gerson do Lavador, também foi a urna pela manhã e comentou; “Tá tranquilo, acho que eu não gastei um minuto para votar, vejo uma tranquilidade muito grande”.


Diante do clima ameno, algumas pessoas levaram os filhos para digitar o voto na urna eletrônica, os pequenos que não guardam segredos, logo que saiam da sessão revelavam o voto promovendo momentos de descontração.

@ Nossa Voz

sábado, 25 de Outubro de 2014

Barrocas: Apenas os aliados da Presidenta Dilma fizeram campanha na véspera da eleição

Reprodução Fecebook
Depois da publicação de uma matéria chamando a atenção para a falta de uma campanha mais consistente neste 2º Turno, pelo menos um dos grupos parece ter acordado, e foi às ruas em busca de votos.

O JNV mostrou em matéria publicada na quinta-feira (23) que nem aliados de Aécio nem os de Dilma estavam neste 2º turno fazendo campanha para os presidenciáveis.

Mesmo bem atrasados, restando apenas algumas horas para a eleição, talvez temendo futuros problemas no governo, o grupo do Prefeito Municipal José Almir saiu às ruas neste sábado, porém a quem diga que o movimento não obteve êxito, contando apenas com alguns poucos correligionários.

Já a oposição ao governo municipal que apoia Aécio Neves não realizou nenhum ato, sequer apareceu na Praça da Matriz, apenas funcionários de um político que tem comércios na cidade foram vistos com adesivos pró Aécio, nenhum carro de som tocou os jingles da campanha tucana.

Nas ruas da pequena cidade, era notório a grande maioria de pessoas favoráveis a Dilma, muitas portavam estrelas e adesivos com a foto da petista indicada por Lula.

Veja: Barrocas: Grupos políticos cruzam os braços para eleição presidencial.


@ Nossa Voz