sexta-feira, 27 de dezembro de 2019

Barrocas: Com participação de barroquenses, Coral 30 de Junho faz apresentações em comunidades rurais do município

Coral no Povoado de Alambique, onde aconteceu a primeira apresentação da noite - Foto: Reprodução
Na noite da quarta-feira (25), o Coral 30 de Junho, que conta com membros da cidade de Serrinha e Barrocas, realizou apresentações nos Povoados de Alambique, como parte das comemorações do Padroeiro da comunidade, e em Lagoa da Cruz, na celebração do Natal. As apresentações aconteceram atendendo a convites das comunidades rurais.

O coral que se apresentou, foi formado por integrantes de Serrinha e de Barrocas, sendo alguns da sede e outros dos povoados de Rosário e Lagoa da Cruz. Segundo o músico  barroquense Elton Queiroz, as aulas com a Maestrina Viviane Ramos, acontecem a cerca de 4 anos na cidade e também no povoado de Lagoa da Cruz: "Como integrante do Coral, acho muito interessante. Tá sendo algo novo para mim na questão da música. Eu não tinha esse conhecimento, e depois que comecei a fazer parte, passei a ter conhecimento com outros estilos musicais, outros tipos de música, e eu acho muito bom essa diversidade do Coral", afirmou Elton, que participa da turma da sede.

Apresentação em Lagoa da Cruz - Foto: Reprodução
Segundo a Professora Viviane o Coral 30 de Junho começou as atividades há 12 anos, inicialmente contemplando apenas pessoas de Serrinha, em seguida chegando à Barrocas. Atualmente o projeto tem atividades na sede de Barrocas e também na comunidade de Lagoa da Cruz, envolvendo pessoas de 12 até 65 anos, nas duas cidades citadas. São cerca de 30 integrantes no total.

Sobre as apresentações (Cantada de Natal), Viviane destacou: "Eu gostei muito. Gostei do rendimento do grupo, da aceitação das pessoas, da reciprocidade. Porque assim, Coral é uma coisa que infelizmente não é muito acessível... Então a oportunidade de ir para a Zonar Rural para mostrar o canto coral, para mostrar as pessoas o canto coral, foi muito boa, além do que, são pessoas bastante receptivas, então a gente só tem a ganhar, tanto os ouvintes quanto os cantores, pois é uma experiência nova, diferente", afirmou a maestrina.

@ Nossa Voz Da Redação - Com Informações de Elton Queiroz
Entrevistas Elton Queiroz

Sem comentários:

Enviar um comentário