segunda-feira, 16 de janeiro de 2017

Barrocas: Prefeitura recebe crítica por usar carro pipa na recuperação das estradas

Reprodução Facebook
A Prefeitura Municipal de Barrocas iniciou a recuperação das estradas de terra que cortam o município, a maioria delas encontram-se com muitos buracos e valas, além das temidas 'costelas de vaca', os acessos Barrocas ao Bairro do Cedro, e Barrocas ao Alambique já foram melhorados.

Ao ver uma postagem no Facebook onde um caminhão pipa aparece molhando a via, uma dona de casa protestou; "Enquanto aqui ta sem água ,vcs estão utilizando água potável para molhar estrada ...Ao envés de distribuir água nos povoados que estão precisando,quer fazer boa ação utilize essa água de outra forma,tipo distribuindo nos povoados que estão precisando. agradeço!"(sic) escreveu.

Nos trabalhos, além da moto-niveladora (patrol) um caminhão pipa está sendo utilizado, algo inédito na recuperação de estradas em Barrocas. Tentamos falar com o Secretário de Obra, José Queiroz, para que ele explicasse qual o objetivo da molhação, porém não tivemos êxito.  O uso do caminhão pipa molhando a estrada pode ser uma forma de amenizar a poeira ou para ajudar na compactação, mas isso só o secretário pode explicar.

Ao mesmo tempo que o pipa é utilizado no trabalho de recuperação das estradas, surgem comentários de que a Prefeitura não está realizando a distribuição de água principalmente para os pequenos agricultores.

Consultado, o vereador Miguel Carvalho (PMDB), líder do Governo na Câmara informou que o agendamento para pedido de carros pipas está acontecendo na Prefeitura, porém reconheceu que mais caminhões precisam ser contratados; "O caminhão do PAC estava quebrado, começou rodar tem três dias, o agendamento é na Prefeitura mas eu pedi que a Assistência Social começasse a fazer pois fica melhor" informou.

Ainda segundo Miguel, o prefeito está alugando mais caminhões nos próximos dias para atender a demanda que é muito grande, ele mesmo reconheceu que vários reservatórias da região estão secando. Sobre a necessidade e a água utilizada na molhação das estradas recuperadas o vereador informou; "O carro vai molhando na frente e a patrol cortando, se não for assim não faz as estradas pois tá muito seco. A água é do açude nenhum animal bebe, ali nem crocodilo bebe aquela água" esclareceu o conhecido Guel de Quinca.

@ Nossa Voz - Por Rubenilson Nogueira

Sem comentários:

Enviar um comentário