terça-feira, 14 de julho de 2015

A lama, as quedas e problemas mecânicos tiraram pilotos barroquense do pódio na Fazenda Morro Branco


Mais uma vez Péricles Valadares é Matheus Andrade realizaram uma grande corrida de MotoCross, a Etapa da Copa Sisal em Tanquinho contou com cerca de 130 pilotos de diversos estados, só de Santa Catarina foram oito.

Locutor Carira Cross
Choveu muito em Tanquinho nos últimos dias, infelizmente a pista ou parte dela, estava comprometida pela lama, sendo apelidada pelo locutor Carira Cross de trecho do lambe-lambe, até a posição da largada precisou ser invertida! Diversos motos ficaram atoladas nesse trecho.

Sem conseguir uma boa tocada, os barroquense não conseguiram os resultados esperados, foram vários tombos e em conseqüência deles, motos com problemas mecânicos, felizmente os pilotos não se machucaram. 


Na categoria Nacional Amador, Neto Fernando teve problema com freio, quase parou em virtude de uma acidente, perdeu posições e ficou de fora da final.

Na Categoria Mirin, Kauã Sherman estava bem, ocupando a terceira colocação, na tentativa de assumir a 2ª posição o pneu afundou na lama, levando um tombo forte, a motocicleta quebrou a embreagem, assim ficando fora da corrida.

Na Categoria XR200, Rodrigo largou muito bem, e apesar de perder duas posições seguia bem, um tombo o deixou na última posição, recuperando-se o Rato voltou forte mas acabou se chocando com outro piloto e também não completou.


Restava Matheus Lama, que compete em duas categoria, na Categoria Nacional Profissional Matheus Largou na penúltima posição, as ultrapassagem eram difíceis porém o barroquense chegou a 4ª posição, mas também sofreu uma queda forte na mesa, voltou para a corrida porém ficou fora do pódio na 7ª colocação. O Campeão foi Gilbertinho de Jequié.

Na Categoria Especial MX1 (Importada) Matheus também largou mal, partindo para o tudo ou nada, fez um excelente corrida de recuperação, chegando a brigar pela 3ª posição, mas também caiu, porém dessa vez conseguiu se garantir no pódio na 4ª posição. O Campeão foi Gabriel Valverde de Alagoinhas.

Pódio da Categoria MX1
Com tudo e apesar dos pesares os pilotos seguem na briga pelo título da Copa Sisal de 2015, a próxima Etapa acontece em Capim Grosso nos dias 15 e 16 de agosto. 


Apesar dos resultados não serem o esperado, a Equipe Dany Cross teve muito o que comemorar, cerca de 30 pessoas foram à Tanquinho torcer pelos pilotos, mais uma prova do quanto o MotoCross tem crescido na pequena cidade de Barrocas. 

Já no próximo domingo Matheus Lama volta a competir, desta vez pelo Campeonato Baiano em Jequié.

Apoio Secretaria de Cultura Esporte e Lazer, Patrocínio; Vice Prefeito Tita de Roque, Gilverlon, ‪Nean, Tizil Moto Peças‬ , Rede de Postos Brasil‬, ‎Bike Center‬,‪ Academia Mega Physicus ,‬ TR Desing ‬, D'san Confecções, Wi-Tech Suspension‬, ‎Dany Lazer Center, Tô Querendo, MH Infostore, Agnaldo Motos, Rodrigo Distribuidor, Marçal Artes, Vereadores Kekeu e Zé Inácio.
@ Nossa Voz Esportes

Sem comentários:

Enviar um comentário