domingo, 8 de março de 2020

Barrocas: Ex-prefeito Edilson e sua esposa, participam de evento que marcou a filiação de José Almir ao PT

José Edilson é irmão do atual prefeito de Barrocas, José Jailson - Reprodução Facebook
O encontro foi em Serrinha, num evento regional que contou com a presença do Senador Jaques Wagner (PT), deputados, prefeitos de várias cidades do Território do Sisal e lideranças políticas das diferentes regiões. Mas, segundo os comentários das redes sociais, quem chamou a atenção mesmo foram os barroquenses, já que o ex-prefeito José Almir foi levado ao palco nos braços do povo.

Diante do número de oradores, o ex-prefeito José Edilson não discursou, assim não confirmou nem negou a aliança com Almir, e a provável indicação da sua esposa Sussu como vice, ela que também marcou presença e fotografou ao lado do filho do senhor Maciel. Quem não apareceu lá foi o vereador Beto, filho de Edilson, sobrinho do atual prefeito José Jailson. 

Almir, confirmado como pré-candidato a prefeito pela oposição, fez uma postagem no Facebook, mas também não confirmou a união. Um fonte do JNV que estava no evento, disse que escutou quando o ex-prefeito José Edilson ao ser questionado por um radialista, respondeu que a possibilidade da esposa ser vice de Almir era de 90%. 


O pré-candidato Almir foi levado ao palco nos braços dos aliados - Foto: Reprodução Redes Sociais

"...foi um momento ímpar na minha vida pública, quando me filiei ao Partido dos Trabalhadores - PT. Este ato é uma resposta ao pedido de nosso povo, que sabe o quanto essa decisão será importante para o município de Barrocas. O evento aconteceu em Serrinha, onde fui recepcionado pelos Deputados Estadual e Federal, Osni e Joseildo Ramos e o Senador Jaques Wagner. O Ex-Prefeito Edilson e sua Esposa, a amiga Sussu, os nossos pré-candidatos a vereadores e nossas lideranças também estiveram presentes..."

Mesmo ainda com 10% de possibilidade da união não se confirmar, aliados de Almir passaram o sábado comemorando as fotos tirados na sexta-feira, foguetes estouraram em parte do dia no céu de Barrocas. Em meio a possibilidade de um racha histórico entre os Ferreiras, o prefeito José Jailson ainda não se manifestou, mas aliados já trataram de amenizar, o desfalque no grupo: "...Edilson não tem essa bagagem mais não, porque se ele tivesse essa bagagem, ele dava ao filho, ao vereador Beto era 2 mil votos, e não teve dois mil votos, Beto teve foi quinhentos e poucos votos, entrou arrastado...", disse um pré-candidato a vereador do Povoado de Minação.

Não tem áudio nem texto de Edilson, o posicionamento de Almir também não confirma, assim aqueles que ainda duvidam da chapa, seguem com o pé atrás, mas pelo menos as fotos já causaram bastante na cidade, tem alguns cabisbaixo, e outros esbravejando no whatsapp. Resta-nos aguardar os próximos capítulos dessa novela que é a política barroquense.

@ Nossa Voz - por Rubenilson Nogueira

Sem comentários:

Enviar um comentário