quarta-feira, 13 de janeiro de 2021

Barrocas: Advogado sugere que prefeitura compre vacina contra a covid-19

Reprodução: Instagram
A Prefeitura Municipal de Amargosa, anunciou no dia 23 de dezembro a compra de 12 mil doses da vacina contra a Covid-19, que segundo informações devem ser disponibilizadas já neste mês de janeiro de 2021, graças a uma parceria firmada com o Instituto Butantan. A notícia repercutiu na Bahia e moradores do município comemoraram a aquisição da coronavac, que apresentou 78% de eficácia em casos leves e 100% em casos graves e moderados

Em dezembro, o ministro do STF, Lewandoswki deu aval para que estados e município importem e distribuam qualquer vacina contra Covid-19 que já esteja em uso no exterior. O município de Barrocas, já registrou 192 casos confirmados, com três óbitos e 189 pacientes curados. Atualmente existem 27 pacientes suspeitos. 

O advogado barroquense Rodolfo Queiroz, preocupado com a segunda onda da covid-19 na Bahia e no Brasil, sugeriu, através de uma proposta cidadã, que a Prefeitura de Barrocas também adquira doses da vacina coronavac. O imunizante da farmacêutica chinesa Sinovac com parceria do Instituto Butantã, está próximo de obter autorização na ANVISA para uso emergencial no Brasil.
Coronavac - Reprodução: Twitter Instituto Butantã
"Esse ato preservaria a vida, mas igualmente a saúde, o lazer e a economia barroquense. Por sinal, diversos municípios já tomaram essa iniciativa, sendo 3 deles nas Bahia. Diga-se de passagem, o valor da dose, comprada perante o instituto BUTANTAN, custará aproximadamente R$ 58,20. Essa informação, porém, não é oficial, mas fruto de algumas pesquisas", informou Rodolfo.

Em números absolutos, o Brasil é o terceiro país do mundo com mais infecções, atrás apenas dos Estados Unidos, que somam mais de 22,5 milhões de casos, e da Índia, com mais de 10,4 milhões. Mas é o segundo em número de mortos, atrás apenas dos Estados Unidos, que contabilizam mais de 375 mil mortes.

Rodolfo Queiroz fez questão de alertar que não está criticando o governo municipal: "Evidentemente, isso não é uma crítica, pelo contrário, trata-se de uma PROPOSTA CIDADÃ para ser analisada. Como sabido, não votei no atual gestor, isso não impede o estímulo as boas práticas. Então, sem POLÊMICAS. Afinal, já são 200 mil vidas perdidas." escreveu.

Da Redação - Por Victor Santos

Sem comentários:

Publicar um comentário