quinta-feira, 21 de agosto de 2014

Nem ontem nem hoje, eles não me representam. (Cícero Gois)

Nada com nexo, nada com harmonia, nada com compaixão, nada com servidão a democracia, enfim ou afim todos esses subterfúgios estão assim impregnando sobre os nada propositais que sucumbe infesta como parasitas sobre os exercícios públicos desta pequena cidade. 



É inexplicáveis e inaceitável a falta de transparências com os recursos públicos desde as primeiras administrações, após emancipação, hoje lembramos os 'ratos' atuais! Esquecemos os outros das administrações passadas. 

Se pararmos para calcular todos os centavos públicos, que esses 'ratos' desviram da cidade imaginamos que teríamos Barrocas das Barrocas, com porte substancial capaz dos seus filhos terem alegria com os representantes que administram ou administraram. 

Diante de tudo isso, não compreendo tantas bajulações, á um cidadão público, que hoje não faz parte do núcleo da atual administração, porém muito já esteve envolvido e não faz tanto tempo assim que comungava com tudo que acontecia e até se favorecia. Vejo uma amnésia deturpar rápido a mente de alguns babões por este cidadão, chego pensar que os babões, estão com problemas de memória. Para esses que bajulam, os desafiaria, ou seja, acredito que nesse mesmo paradoxo, outros amigos juntos desafiariam esse mesmo Cidadão que os chamam de ‘’Futuro de Barrocas’’, com uma simples matemática da data de nascimento até a data presente. 

Pergunto; Como o mesmo conseguiu obter um patrimônio digno de jogador futebolístico nível ‘’Europa’’? Só assim para comparamos, porque pelo salário de “Secretário da Prefeitura’’, jamais haverá condições de termos cidadãos aqui em nossa Barrocas com patrimônio nível Europa, afinal nem da cidade saiu como muitos que conseguiu melhorar de vida. Afirmo não ser suficiente mesmo se contabilizado por salários nível secretariado da maior instituição pública de Barrocas”. 

Aos babões peço, não vos levem para o lado pessoal, porque todos que almejam uma cadeira pública precisam ser julgados, fiscalizado por toda sociedade e autoridades que regem as leis. Já estamos na hora de mudarmos esse conceito de que alguns são intocáveis. 

E você sente-se representados por políticos que só querem aumentar seu patrimônio?

Por Cícero Gois

Sem comentários:

Enviar um comentário