segunda-feira, 14 de dezembro de 2020

16° BPM: Ocorrências policiais no Território do Sisal (final de semana) - Mulher sofre violência doméstica em Lagoa da Cruz

Reprodução: 16° BPM
O 16° Batalhão de Polícia Militar, divulgou através da sua assessoria de comunicação o balanço das ações no final de semana no Território do Sisal. Dentre as ocorrências, na madrugada da segunda-feira (14) um homem de 37 anos estaria agredindo a companheira e a ameaçando com uma faca, no povoado de Lagoa da Cruz, distantes 8km da sede em Barrocas. 

A guarnição de Barrocas foi acionada para atender a uma solicitação envolvendo violência doméstica, no povoado de Lagoa da Cruz, zona rural do município. Segundo a suposta vítima, ela estava sendo agredida e ameaçada com uma faca tipo peixeira pelo seu companheiro, um homem de 37 anos. Ele foi pego em flagrante e apresentado na Delegacia de Polícia Civil.

Em Serrinha, populares informaram que havia um homem em atitude suspeita nas proximidades da praça Morena Bela. O referido cidadão correu ao avistar a guarnição da 1ª Cia, que iniciou uma perseguição, realizando a abordagem na Rua Machado de Assis, ao lado da AABB. Após consulta, constatou-se que havia um mandado de prisão em aberto em nome do abordado, um homem de 30 anos. Na Delegacia, ao ser efetuada nova consulta, verificou-se junto a Delegacia de Polícia Civil da cidade de Petrolina-PE, a existência do mandado de prisão pelo crime de homicídio, confirmado junto a pesquisa no Banco Nacional de Mandado de Prisão (BNMP), sendo que também foi localizado um outro mandado em desfavor do homem apresentado, expedido pela Justiça Criminal do Estado de Sergipe. 

Em Valente, A PM foi informada que uma mulher embriagada estava maltratando a sua filha, de 11 anos. Populares perceberam e tomaram a guarda da criança. Chegando ao local, os policiais encontraram um casal com a criança, tendo a mãe fugido do local. Após várias tentativas de contato com o Conselho Tutelar sem obter êxito, o casal concordou em abrigar a criança e entregá-la ao Conselho Tutelar. Segundo populares, a autora já perdeu a guarda de três filhos e está em outra gravidez.

A guarnição da CETO verificou uma ocorrência de violência doméstica e descumprimento de medida protetiva de urgência, no bairro Vila de Fátima, em Serrinha. Os policiais se deslocaram e encontraram a vítima, uma mulher de 33 anos, que estava desorientada e com muito medo, que afirmou ter passado a noite em claro por conta de seu ex-marido, um homem de 35 anos, que derrubou seu muro e invadiu o quintal, tentando arrombar a porta do fundo; não satisfeito arrancou parte da fiação elétrica da residência, deixando a comunicante às escuras com seus 06 (seis) filhos. Os policiais fizeram a varredura na área mais não encontraram o autor, a vítima foi apresentada na Delegacia de Polícia para adoção das medidas cabíveis.

Da Redação - Informações 16° BPM

Sem comentários:

Enviar um comentário