segunda-feira, 1 de dezembro de 2014

MotoCross: Matheus Lama deixa escapar, mas Ratoeira garante segundo título da Copa Sisal para a Equipe Dany Cross.


A Equipe Dany Cross pelo segundo ano consecutivo conseguiu emplacar um Campeão da Copa Sisal, em 2013, Matheus Lama brilhou e foi o Grande Campeão na Categoria Intermediária, em 2014 o Lama ficou com o vice, mas Ratoeira foi soberano e Sagrou-se o Grande Campeão na XR200.

Matheus Lama começou 2014 muito bem, já no seu primeiro ano na Categoria Nacional Profissional venceu a Etapa da abertura da Copa em Serrinha, ganhou também a 2ª Etapa em Barrocas, já em Coité com limitações em virtude da fratura no braço, teve que comemorar um 4º lugar na 3ª Etapa, resultado que embolou a disputa da competição.

Para complicar ainda mais a situação do barroquense que desde a lesão vem encontrando dificuldades para voltar a sua melhor forma, foi criado pela direção da Copa, a ‘Super Final’, ou seja, uma Etapa a mais. Matheus que seria campeão mesmo não chegando entre os primeiros agora teria que andar na ponta em ambas as corridas.


Matheus Lama e Gabriel Valverde
O barroquense largou mal nas duas baterias, numa delas ficando na última posição, guerreiro como sempre foi buscar em ambas as baterias, mas não conseguiu a posição que precisava, chegando em 6º na primeira e em 3º na última. Assim o título de Campeão ficou com o piloto Gabriel Valverde de Alagoinhas, uma vitória muito merecida, Valverde foi o nome da Final, mas vale lembrar que Matheus o venceu em mais corridas e teve na Copa uma vitória a mais que o campeão. Com os resultados o barroquense sagrou-se vice Campeão da Copa Sisal de 2014.

Já Rodrigo Ratoeira além do título para Barrocas, chegará a Categoria Amador com moral, e vai com certeza da muitas alegrias ao torcedor barroquense que a cada dia se apaixona mais por MotoCross. 



Mesmo de fora da Final o pequeno Kauã Sherman ainda sagrou-se vice Campeão de Copa Sisal. Num gesto emocionante o pequeno João Gabriel Campeão da Categoria Mirim 2014, deu o seu troféu para o amigo piloto Kauã que não correu devido a uma fratura no braço. 

Os demais pilotos da Equipe, Bêga, Mãe, Ney e Jamerson Totó seguem aprimorando suas pilotagens e seguem motivados para a temporada de 2015.

Foi um ano difícil, com pilotos lesionados e problemas nas motocicletas, Matheus chegou a entrar nas pistas com braço quebrado para não perder muitos pontos, Kauã em seu primeiro ano, já brigando pelo título ficou de fora das finais com braço quebrado, quanto as motos, tanto a máquina do Ratoeira como de Matheus tiveram problemas nos motores e tiveram que ser concertadas às pressas, restando pouco tempo para os treinos.

Todas as dificuldades serviram para unir o grupo, fortalecendo os pilotos e conquistando mais apoiadores e patrocinadores. 



“Só tenho agradecer primeiro a Deus e a todos que estavam me apoiando, eu tava focado para está final, mas acabei largando mal nas duas corridas, eu queria o título com certeza, infelizmente não deu, mas é um prazer para mim disputar o título já no primeiro ano na categoria. Agora é trabalhar forte para 2015” disse Matheus Lama.

“Estou muito feliz por ter conseguido essa vitória para Barrocas, agora vamos treinar bastante para ano que vem. Sei que vai ser uma categoria mais difícil, mas foi buscar o título” disse Rodrigo Ratoeira.

“Eu acho que em relação a Matheus, temos que entender que é o primeiro ano dele nesse nível, enquanto os demais pilotos já está a alguns anos competindo, agora ele vai ter que treinar e focar mais para próximo ano aí sim buscar o título, se fosse campeão nesse seria extraordinário. Quanto ao Ratoeira, na Categoria XR200 já no primeiro ano no MotoCross ele mostrou sua capacidade e é mais um piloto da equipe em evidência, Kauã começou e tá bem uma promessa, Totó vem forte, assim como outros pilotos, então estamos indo bem” destacou Danilo.



O chefe da Equipe lembrou que Matheus ainda vai disputar neste ano a Final do Campeonato Baiano, e tem chances de conquistar o título estadual da Federação Baiana de Motociclismo na Categoria Nacional Profissional.

Entrevistas com os pilotos da Equipe, Dany Cross, Matheus e Rodrigo, e o Chefe da Equipe, Danilo Nogueira, hoje no Programa A Minha A Sua A Nossa Voz.

Leia também: Rodrigo Ratoeira sagra-se Campeão da Copa Sisal de MotoCross 2014

@ Nossa Voz

Sem comentários:

Publicar um comentário