quarta-feira, 28 de março de 2018

Os primeiros estabelecimentos comerciais do município de Barrocas

Antiga Panificadora do Senhor Genésio - Foto: Reprodução
Barrocas tem atualmente estabelecimentos comerciais dos diversos ramos e segmentos, o comércio local é bem desenvolvido e já não está apenas localizado no centro, se expandiu e chegou a outros pontos, a exemplo do trecho duplicado na entrada da cidade.

O município tem como entidade representativa do setor, a CDL (Câmara de Dirigentes Lojistas de Barrocas) que teve como presidente fundador Rubenilson de Queiroz Nogueira e atualmente é presidida por Marcílio Queiroz Nunes. A CDL foi fundada no dia 24 de agosto de 2007. Também presidiram a entidade, Givaldo Ferreira e Clécio Queiroz.

A reunião de fundação aconteceu no auditório do Antigo Colégio Plínio Carneiro
O primeiro ponto comercial do então povoado de Barrocas, foi aberto na década de 20, quando o senhor João Afonso da Silva, veio da fazenda 'Os Afonsos' atraído pela estrada de ferro que trouxe o desenvolvimento para região. João Afonso se instalou em Barrocas, construindo além de uma casa residencial, um ponto comercial onde comercializava secos e molhados (Conjunto de .gêneros alimentares sólidos e líquidos que se vendem geralmente nas mercearias e em outras lojas de varejo). 

Dois anos depois, o senhor Antonio Roberto de Queiroz, abriu a segunda casa comercial da época, também no ramo de secos e molhados. Esta ficava localizada em frente a estação, na conhecida Rua de Baixo, que hoje leva o nome do comerciante.

Estabelecimentos comerciais antigos, mas já localizados na Avenida Antonio Pinheiro da Mota
O senhor Pedro Esmeraldo Pimentel foi o terceiro comerciante de Barrocas, ele veio da fazenda fortuna localizada no então Povoado de Pedras, hoje município de Teofilândia. A residência do senhor Pedrinho como era conhecido, tinha estilo emoldurado e localiza-se na Rua de Baixo (Rua Antonio Alves de Queiroz). Ela pertence atualmente ao Dr. Antonio Ezequiel (Desembargador Aposentado) que preservou sua arquitetura.

Residência de um dos primeiros comerciantes de Barrocas Foto: Livro Barrocas: Origens, Pessoas e Fatos
Os comerciantes barroquenses são vistos como empreendedores, as lojas tem ótima estrutura física, fachadas bonitas e chamativas, são bem organizadas e oferecem produtos e serviços diversos. O comércio também se desenvolveu nos povoados.

@ Nossa Voz - Da Redação
Com Informações do livro - Barrocas: Origens, Pessoas e Fatos -  De João Gonçalves e Tiago de Assis

Sem comentários:

Enviar um comentário