domingo, 16 de junho de 2019

Barrocas: Com bela atuação de Lukinhas, Fluminense vence Baraúna e sagra-se Bi-Campeão Barroquense

Presidente do Fluminense Marlon Nunes nos braços da galera - Foto: Kauã Sherman
Certamente palco da última final de um Campeonato Barroquense de Futebol, o Campão ou Barrocão, como também é chamado o campo municipal, recebeu hoje uma multidão para assistir Fluminense e Baraúna decidirem o título de Campeão Municipal de 2019.

As duas torcidas fizeram a festa; bandeiras, batuque, queima de fogos e teve até um Sheik, mas quem brilhou hoje foi um jovem do setor defensivo. Por méritos, Douglas foi eleito o craque do campeonato, mas certamente o cara do jogo, o craque da final, foi o menino Lucas, o Lukinhas filho de Dona Lândia. O camisa 2 do time da sede, já no primeiro tempo colocou o Fluminense com uma vantagem que deu tranquilidade e confiança para a conquista do bi-campeonato.

Lucas ao lado da sua mãe e incentivadora, Lândia Andrade - Ele marcou dois na final.
Foto: Kauã Sherman
O time do técnico Edson Barreto entrou em campo muito confiante, apesar da maioria ter pouca idade, a camisa não pesou. Tudo ficou ainda mais tranquilo após Lucas abrir o placar nos primeiros minutos de jogo. Ainda no primeiro tempo, após uma falha do goleiro Mantinha na saída de bola, Lucas apareceu e marcou um belo gol de média distância, como bem narrou o Andre Luiz do Ichu Notícias, a bola passou na parede da rede", 2X0 Fluminense.


Experiente, Damásio tentava pelo meio manter a Baraúna firme no jogo, tocava bem, marcava, organizava os companheiros. O zagueiro Zé Milton, também fazia valer a sua indicação como um dos melhores da competição, mas do outro lado, Saulo, Fagner e Gaba dificultavam as coisas jogando muito para o Flu de Barrocas.

No segundo tempo, o técnico Jobel tentou mudar o cronograma com uma alteração já no primeiro minuto de bola rolando, mas Barreto também mexeu no time que começou a valorizar o resultado, até Eto Gol, voltava para marcar. Dêda, Titico e Arilson fechavam a defesa, e assim além do título de campeão, alçavam o goleiro Kekei a condição de menos vazado do campeonato.


Tensos, jogadores da Baraúna paravam as jogadas com faltas duras, nos últimos 15 minutos três deles foram expulsos.

Restavam poucos minutos para o apito final. Mas numa final craque não merece passar em branco, e pelo que fez no campeonato, pelo que representa para o futebol de Barrocas, o dele saiu, Gabá recebeu na entrada da área e não perdoou, o gol foi oferecido para os colegas do Hospital Municipal. Fluminense de Barrocas 3X0 Baraúna do Rumo.


O juiz apitou e o grito de Campeão ecoou, quem fez a festa foi a Flumania. Fluminense Campeão de 2019.


Mais fotos em breve na Fanpage do JNV no Facebook.

@ Nossa Voz Esportes - Por Rubenilson Nogueira / Informações e fotos Kauã Sherman

Sem comentários:

Enviar um comentário