terça-feira, 25 de junho de 2019

São João de Barrocas não contou com recurso da Bahiatursa

Imagem Reprodução
Diferente dos comentários que circularam nos últimos dias, a Prefeitura Municipal de Barrocas, neste ano, não recebeu recurso do Governo do Estado, através da Bahiatursa, para realizar os festejos juninos de 2019.

O Governo da Bahia, apoiou 140 município das diversas zonas turísticas para realizarem os festejos juninos deste ano (ver aqui), porém Barrocas não foi contemplada, como mostra a lista divulgada pela Bahiatursa na pagina oficial.

Segundo informações, o apoio é resultado da seleção de projetos para os festejos juninos que acontecem até o inicio do mês de julho, contemplando as comemorações de Santo Antônio, São João ou São Pedro.

A Bahiatursa destaca que; os festejos movimentam a maioria dos municípios baianos, durante o mês. O apoio às manifestações contribui para o estímulo à economia de cada cidade, gerando emprego e renda, e o aumento do fluxo turístico.

Cidades como Barra do Mendes, Caetanos, Candiba, Caraíbas, Contendas do Sincorá, Ibipeba, Itaberaba, Itiúba, Jaborandi, Jandaíra, Lagedo do Tabocal, Lapão, Lençóis, Luís Eduardo Magalhães, Santa Cruz Cabrália, São Domingos, São José do Jacuípe, Sento Sé e Teolândia apresentaram seus projetos e passaram pela seleção do governo para realizar o Santo Antônio e o São João antecipado.

Já para o São João e o São Pedro estão Abaíra, Adostina, Alagoinhas, Amargosa, Amélia Rodrigues, Andaraí, Andorinha, Anguera, Antônio Cardoso, *Araci, Aramari, Banzaê, Barro Preto, Belo Campo, Boquira, Botuporã, Brumado, Buritirama, Caldeirão Grande, Campo Alegre de Lourdes, Cardeal da Silva, Catu, Conceição da Feira, Conceição do Almeida, Conde, Condeúba, Coração de Maria, Cordeiros, Coribe, Cravolândia, Cruz das Almas, Curaçá, Dias d’Ávila, Dom Basílio, Dom Macedo, Entre Rios, Érico Cardoso, Euclides da Cunha, Gandu, Heliópolis, Iaçu, Ibicoara, Ibirapitanga, Ibirapuã, Ipecaetá, Ipiaú, Ipupiara, Irajuba, Irecê, Itabuna, Itagi, Jequié, Ilhéus, Itaetê, Itapicuru, Itatin, Itiruçu, Itororó, Jacaraci, Jacobina, Jaguaquara, Jeremoabo, Jiquiriçá, Lauro de Freitas, Livramento de Nossa Senhora, Macarani, Macaúbas, Maetinga, Mairi, Malhada das Pedras, Maracás, Maraú, Medeiros Neto, Miguel Calmon, Milagres, Mucugê, Mulungu do Morro, Muniz Ferreira, Mutuípe, Nova Redenção, Nova Soure, Olindina, Oliveira dos Brejinhos, Ouriçangas, Paulo Afonso, Planaltino, Porto Seguro, Presidente Jânio Quadros, Presidente Tancredo Neves, *Retirolândia, Riachão das Neves, Ribeirão do Lago, Rio de Contas, Rio do Antônio, Rio Real, Salinas da Margarida, Santa Brígida, Santanópolis, Santo Antonio de Jesus, Santa Cruz da Vitória, Santa Inês, Santo Estêvão, São Félix do Coribe, São Francisco do Conde, São Miguel das Matas, São Sebastião do Passé, Seabra, Senhor do Bonfim, Serra do Ramalho, Souto Soares, Tanque Novo, Tanquinho, Tapiramutá, Teodoro Sampaio, Terra Nova, Tremedal, Uauá, Ubaíra, Ubaitaba, Una, *Valente e Varzedo.

No Território do Sisal apenas três cidades foram contempladas, Araci, Retirolândia e Valante (*em negrito)

Ao rebater um comentário de um internauta sobre o apoio, o prefeito José Jailson disse que nem em 2018, nem neste ano o município foi atendido: "Você tá enganado, nem o ano passado, nem esse ano. Em 2018 eles queriam liberar 20 mil em uma festa de 400 mil, não aceitamos" escreveu Jai de Barrocas. 

O São João de Barrocas contou com artista de destaque nacional, como Pablo (ver aqui) e Jonas Esticado (ver aqui).

@ Nossa Voz - Da Redação / Informações Bahiatursa

Sem comentários:

Enviar um comentário