sexta-feira, 12 de julho de 2019

Agora é que não pode faltar remédio! Prefeito Jai de Barrocas é eleito vice-presidente do Consórcio de Saúde do Sisal

Fotos: Reprodução
Luciano Pinheiro, prefeito do município de Euclides da Cunha, foi eleito na quinta-feira 11 de julho, presidente do Consórcio Público Interfederativo de Saúde do Sisal. Os consórcios consistem na junção de municípios por Regiões de Saúde do estado, para unir esforços e dividir os custos com a assistência à Saúde de seus habitantes. Esse modelo de gestão busca ampliar a assistência de saúde da média e alta complexidade nos municípios baianos.

O Consórcio do território do Sisal formado por 15 municípios, totalizando aproximadamente 700 mil habitantes, será responsável, por exemplo, por administrar a Policlínica que será construída no município de Serrinha.

Em entrevista após o resultado da eleição, Luciano Pinheiro agradeceu aos demais gestores pela confiança e ao governador Rui Costa: “Vamos buscar novos investimentos, como emendas, para desenvolver o território, fazer uma excelente gestão. Tenho certeza que o consórcio vai alavancar ainda mais os índices de saúde da região”, disse. Ainda segundo o gestor, a escolha do seu nome ocorreu pela forma como a saúde de Euclides da Cunha vem sendo conduzida nos últimos dois anos e meio e se tornado referência em toda a região.


Em postagem numa rede social na quinta-feira (11), o Prefeito de Barrocas José Jailson de Lima Ferreira, o Jai de Barrocas, vice na chapa eleita, comemorou a vitória e destacou: "Na condição de Prefeito, fomos eleito a Vice-Presidente do Consórcio de Saúde, ao lado do Presidente Luciano de Euclides da Cunha, para contribuirmos na gestão de um dos mais importantes setores da Administração Pública, colocando Barrocas como parceira dessa importante ação que beneficiará toda a região sisaleira. Agradecemos aos votos de confiança e vamos trabalhar", diferente do Luciano, o prefeito de Barrocas não comentou a situação da saúde no seu município, onde segundo relatos da população tem faltado medicamentos na Farmácia Popular, no Hospital nos postos de saúde e até no CAPS.

@ Nossa Voz - Por Rubenilson Nogueira, com informações do site Bahia Já

Sem comentários:

Enviar um comentário