sábado, 27 de junho de 2015

Barrocas: Água acumulada em frente à Prefeitura Municipal pode ser criadouro do mosquito da dengue.


O combate aos prováveis criadouros do mosquito deve contar com a participação de toda a população, mas principalmente deve partir do poder púbico municipal.

Diferente das demais cidades da região, em Barrocas ainda não foi lançada uma campanha para sensibilizar a população da necessidade de está atenta em relação ao surgimento de focos, principalmente neste período de chuvas. E pior, JAV flagrou na tarde da sexa-feira um possível criadouro do mosquito no monumento do DERBA em frente ao prédio d Prefeitura Municipal na entrada da cidade.

O aedes aegypti, popularmente chamado de mosquito da dengue, é apontando como transmissor de várias doenças, na Bahia está sendo atribuído a ele o surto do vírus zica, além da Chikungunya.


A Febre Chikungunya é uma doença parecida com a dengue, causada pelo vírus CHIKV, da família Togaviridae. Seu modo de transmissão é pela picada do mosquito Aedes aegypti infectado e, menos comumente, pelo mosquito Aedes albopictus.

Além de acumular água, o local encontra-se sujo e com problemas na estrutura, não há sequer iluminação. Este monumento simboliza a inauguração da pavimentação asfáltica da BA411, na ocasião o então governador Jacques Wagner veio à cidade (veja).

Tentamos falar com o Secretário de Saúde Adelson Brito para que pudesse comentar o flagrante, mas não tivemos êxito.

Ronda @ Nossa Voz

Sem comentários:

Enviar um comentário