quarta-feira, 19 de maio de 2021

Prefeitura Municipal de Araci realizou movimento contra o abuso e a exploração infantil

Imagem Reprodução
O movimento contou com a participação de Servidores da Secretaria de Desenvolvimento Social, Esporte e Lazer, que foram as ruas na manhã desta terça-feira (18), para protestar contra o abuso e a exploração sexual de crianças e adolescentes. Faixas e cartazes com mensagens e orientações para conscientizar a população sobre a importância de ficar atento para perceber os sinais, denunciar e não permitir que situações de violência aconteçam foram utilizadas pelos servidores.

Movimentou percorreu ruas da cidade exibindo faixas, chamando a atenção da população para a causa. 
O dia 18 de maio foi instituído pela Lei Federal 9.970/00, que marca a luta pelos Direitos Humanos das Crianças e Adolescentes no Brasil, conta com mobilizações em todo país. A Prefeitura de Araci destacou em postagem numa rede social que a data não foi escolhida por acaso, e lembrou que em 18 de maio de 1973, na cidade de Vitória, localizada no Espírito Santo (ES), um crime bárbaro, que ficou conhecido como "Caso Araceli", chocou o País, após uma menina de apenas 8 anos de idade, ter sido raptada, estuprada e morta por jovens de classe média alta: "O Fato foi tão chocante, que a data passou a ser lembrada como símbolo de combate a este tipo de crime", informou.

A secretaria alerta: "Fique atento (a) aos sinais! Ouça, observe, acompanhe, proteja e denuncie. Disque 100, sua denúncia será anônima e poderá evitar que casos como o de Ariceli aconteçam novamente".

@ Nossa Voz - Com informações da Prefeitura Municipal de Araci

Sem comentários:

Enviar um comentário