sábado, 13 de dezembro de 2014

Na sexta também tem feira em Barrocas


Cada vez mais famílias optam por fazer as compras na sexta, dia em que é possível encontrar produtos fresquinhos e de qualidade.

O movimento na feira-livre de Barrocas que tradicionalmente começava no sábado bem cedinho, nos últimos anos se inicia já nas tarde de sexta-feira, as donas de casa principalmente da sede e de povoados próximos, preferem a calmaria e dizem que na sexta é possível encontrar produtos ‘menos escolhidos’, verduras e hortaliças com excelente aparência, qualidade e variedade, com isso atualmente em Barrocas são dois dias de movimento no centro de abastecimento. 

Segundo o escritor João Neto (in memoriam) a *Feira Livre de Barrocas teve início em 1940, neste tempo acontecia debaixo de uma grande árvore, já naquele tempo os barroquenses mantinham o hábito de acordar cedo no sábado para ir às compras, mas também se atualizavam com noticias, era como encontra as pessoas na sobra de árvore batendo papo.

Ter dois dias de feira é bom para os comerciantes e ambulantes que trabalham no Centro de Abastecimento e seu entorno, mas gera movimento para todo comércio.



O verdureiro, conhecido como Tico da Verdura, 26 anos, contou porque as pessoas têm escolhido a sexta-feira para ir ao centro de abastecimento; “o pessoal vêm porque tem as frutas e verduras menos escolhidas”. Em seu ponto o consumidor encontra grande variedade morango, pêra, ameixa nacional e importada, uva e maça de qualidade". Tico afirma ainda que o movimento do sábado é maior, mas já viu algumas sextas-feiras superarem o tradicional dia. 

Com vários anos de feira, a conhecida Dona Celeste, 65 anos, acredita no movimento do sábado ser maior pelo fato das pessoas da zona rural fazerem suas compras, mas a vendagem de sexta-feira às vezes supera. Atuando desde quando inaugurou o centro de abastecimento, Celeste vende verduras e frutas a mais de 12 anos, no Boxe 20 onde a variedade e qualidade dos produtos a classificam como um das melhores feirantes da cidade.

Leia também; Feira movimentada em Barrocas no primeiro sábado de dezembro


@ Nossa Voz - Da Redação / Colaborou Victor Santos
*LIvro Barrocas Uma Filha da Estrada de Ferro

Sem comentários:

Enviar um comentário