quinta-feira, 24 de setembro de 2015

Barrocas: Religiosos lotaram a Praça Miguel Ferreira em comemoração ao Dia dos Evangélicos


Mais uma vez o Dia da Cultura Evangélica foi comemorado em grande estilo em Barrocas, neste ano, artistas e pregadores da terra se apresentaram para o público na Praça Miguel Ferreira no dia 23 de setembro, feriado municipal instituído no ano de 2003.

A Ordem dos Ministérios Evangélicos de Barrocas (OMEB),  que tem como atual Presidente o Pastor da 1º Igreja Batista de Barrocas, Eris Galvão esteve a frente da organização do evento comemorativo.

No uso da palavra, Galvão destacou a importância de comemorar a data em união entre as denominações cristãs evangélicas na organização e realização do evento. Diversos levitas de igrejas presente tiveram a oportunidade de louvar, o espaço cedido as igrejas supriu a expectativa de um evento de maior porte, a exemplo da Banda Renuncia, mostrando que os músicos barroquenses também tem o dom para a música gospel.


Nos agradecimentos o Pastor da Igreja Batista Renovada da Minação, Professor Ivan, enfatizou a importância do comércio barroquense no apoio ao evento. Através do ancião Alberth, 200 unidades da literatura 'A grande esperança' da escritora Ellen G. White, foram distribuídas gratuitamente para os presentes, o livro descreve a fase final do conflito cósmico entre o bem e o mal ao longo da história e chegou ao número de 160 milhões de cópias pelo mundo.

A parte do louvor teve como atrações o Pastor da Igreja Batista Lírio dos Vales, do povoado de Lagoa da Cruz, Edson Morais, dentre uma musicas e outra, o cantor deixou mensagens bíblicas de despertamento para o Evangelho na vida de cada um. Lembrou também que independente de outras cidades vizinhas terem um evento maior, em relação ao deste ano, nada superou o querer de Deus em mais um ano os evangélicos se reuniram para dedicar louvores. 


O pregador da noite, o Pr. Tiago Santiago, falando dos deveres da famílias, exemplificou a decisão de alguns pais em aceitar a bebida dentro do lar, o incentivo e aceitação dos filhos ao uso, e puxou a orelha dos governantes, prefeito, vice, vereadores, secretários e lideranças na criação de politicas públicas voltada a recuperação de famílias destruídas pela droga. 

Este ano de maneira independente, sem necessitar do apoio do Poder Executivo, o evento foi custeado pela venda de camisas e patrocínios do comércio local, cada igreja através dos ministérios e lideranças, usaram do seu próprio esforço na arrecadação de fundos para bancar as despesas. 

Paulinho, ex-Paulinho dos Teclados fechou a noite colocando o publico pra louvar e dançar com musicas animadas, mas que traziam em suas letras mensagens de fé e esperança. A música do cantor Pierre Onassis 'Deus é Bom' não poderia deixar de faltar no repertório do músico que encerrou tocando 'Sopra' de J. Neto, cantada no palco por ele e dois convidados.

@ Nossa Voz - Por Victor Santos

Sem comentários:

Enviar um comentário