sexta-feira, 13 de março de 2015

Barrocas: Depois de ter sua moto furtada, empregada domestica precisa pedala 16 km por dia para trabalhar

Déa batalhou muito para conquistar sua moto que foi levada
Dalva de Barros, 33 anos, conhecida com Déa, mora no Povoado de São Miguel do Ouricuri, localizado a cerca de 8 km de Barrocas, onde trabalha como empregada doméstica. 

Meses atras, depois de muito trabalho e economia, com a ajuda da sua Patroa a doméstica Dalva enfim conseguiu comprar uma motocicleta usada, modelo Honda 125, fabricação de 1995, que custou R$ 1.600 reais, com a motocicleta, ela poderia sair de casa mais tarde assim como chegava mais cedo depois de um dia de trabalho, sem falar que não cansava tanto como antes, quando tinha que pedalar os 16km para ir e retornar ao trabalho.

"Logo quando cheguei em Barrocas consegui um emprego, eu passei nove meses vindo trabalhar de bicicleta, vinha do ouricuri e voltava todos os dias, quando entrei na casa de Dona Cacília continuei vindo de bicicleta, e ela foi um anjo na minha vida, me ajudou a comprar minha moto, todo mês eu pagava até que em novembro foi a ultima prestação e estava muito feliz e orgulhosa" relatou. 

Ladrão empreendeu fuga em direção ao hospital municipal
A moto, CG Titan, placar JKY-4743, cor verde, foi furtada na segunda-feira dia 9 de março, em frente a residência onde Dalva trabalha na Rua Torquato Gomes, no centro da cidade; "Era 15:05 eu vim no portão e vi a moto, quando deu meu horário para ir embora 15:30 não estava mais, e tinha várias outras motos como bros e bis e só levaram a minha" contou em lágrimas. 
O ladrão empurrou o veículo sem que ninguém percebesse qualquer movimentação estranha, em posse da moto fugiu em direção ao hospital, porém câmeras de estabelecimentos comerciais registraram o momento em que o homem passou empurrando a motocicleta. Graças as imagens com vários ângulos, a moto foi reconhecida pelos donos, na delegacia o esposo da vítima contou que testemunhas viram a movimentação do roubo e reconhecem o infrator.


A moto é similar a esta (imagem ilustrativa) Fonte: atualmotos.com
Em conversa com o repórter Victor Santos, Dalva fez um apelo; "Gente, por favor quem está com minha moto, devolve ela, eu não quero mais nada, só ela, preciso muito dela pra trabalhar, eu venho todo dia e é muito longe (de bicicleta) e eu não posso ficar sem trabalhar", e completou; "Eu tô bastante prejudicada, ela é minha ferramenta de trabalho, trabalhei muito, batalhei pra compra-la, fiz todos os sacrifícios e valeu a pena ter comprado porque estava me ajudando, mas veio um e não teve dó de quem trabalhou tanto e levou minha moto".


Dalva voltou a pedalar 16 km para trabalhar
Um boletim de ocorrência foi registrada na delegacia de policia civil na quarta-feira (11), as imagens das câmera de segurança do comércio foram enviado para investigação. A policia segue trabalhando para recuperar a motocicleta.

Roubos a luz do dia crescem dentro da pequena cidade de Barrocas, para evitar alguns transtornos cuidados básicos devem ser tomados ao deixar o carro ou moto na rua como verificar se o alarme foi acionado, ou se o sistema que tranca a direção foi ativado.
Ronda @ Nossa Voz - Da redação / Colaborou Victor Santos

1 comentário:

  1. Obs*
    A motocicleta foi furtada na rua Torquato Gomes, e não na rua Pedro Esmeraldo Pimentel como foi divulgado na matéria

    ResponderEliminar