quinta-feira, 5 de março de 2015

Barrocas: Escola paralisa atividades, Diretor afirma que motivo é a falta de funcionários

Escola de Primeiro Grau José Pedro Mota
Os moradores do povoado de Lagoa da Cruz, zona rural de Barrocas denunciaram a paralisação das aulas da Escola de Primeiro Grau José Pedro Mota, nesta quarta-feira (4), segundo informações o quadro de funcionários da escola não é suficiente para manter as atividades da direção. 

A mãe de uma aluna do 6° ano da Escola cobrou resposta ao saber que as aulas foram suspensas no colégio; “Parece brincadeira nem as aulas começaram já pararam, é todo ano a mesma coisa”. E completou “E precisa parar? só os alunos são prejudicados”. Com a paralisação cerca de 240 alunos entre ensino fundamental e creche estão sem aula. 

Procuramos o diretor da unidade escolar, Gilmar Mota relatou em conversa que o quadro de funcionários realmente não é suficiente para manter os trabalhos na direção regular. Ainda segundo ele, desde novembro aguarda a nomeação da vice-diretora, secretária e assistente administrativo, cargos fundamentais dentro da escola. 

Em nota oficial o diretor se posicionou sobre a paralisação e deu as devidas explicações:
Procuramos também a senhora Ana Clécia, Secretária Municipal de Educação, em uma rápida conversa ela declarou ter conhecimento do caso, porém tudo aquilo que coube a ela fazer e cobrar, tem sido feito.

As aulas serão retomadas após o Prefeito Municipal nomear o cargo referente à necessidade da direção. Enquanto isso os alunos, professores e funcionários aguardam o aval do prefeito para retomarem suas atividades.


@ Nossa Voz - Por Victor Santos

1 comentário:

  1. CONCORDEI SIM COM A PARALISAÇÃO FOI PARA MELHORIA DA NOSSA ESCOLA E NÃO NA INTENÇÃO DE PREJUDICAR ALGUÉM ACHO QUE A COMUNIDADE DEVERIA NOS APOIAR NESSA DECISÃO POIS SABEMOS DAS NOSSAS RESPONSABILIDADES COMO PROFESSOR DESSA ESCOLA E MERECEMOS MAIS RESPEITO

    ResponderEliminar