sábado, 15 de agosto de 2015

Barrocas: Secretária de Administração e Finanças Patrícia Carneiro pede exoneração do cargo


Decreto Nº 120/2015 foi publicado na sexta-feira dia 14 de agosto, no Diário Oficial do Município, a exoneração foi a pedido.

Quando foi nomeada em janeiro de 2013, a Primeira Dama Patrícia, era funcionária concursada do município, ela assumiu a pasta mais importante da Administração Municipal na tentativa de corrigir erros, moralizar as contas, por ordem nos pagamentos e contribuir com a gestão, pois era vista como uma pessoa de firmeza nas decisões e pulso firme. 

Patrícia conseguiu algumas mudanças, mas para isso precisou enfrentar gente que se emprenhou na máquina pública com objetivos obscuros, poderosos que relutaram em deixar as benesses, a secretária teve vitória, mas amargou derrotas, porém a gestão melhorou em alguns aspectos, e piorou justamente em setores entregues a pessoas contrarias a ela. 

Nessa batalha para recuperar o prestígio da administração, mas também do seu esposo, veio à eleição da Câmara e a vingança. Desta vez a derrota foi no campo da política, pois na administração quem ganhou foi a sociedade, pois enfiam veio o fim de parte do caos. 

Logo então a secretária virou alvo, nos discursos na Câmara e nas participações na rádio era citada como vilã, porém continuava tendo respaldo na sociedade que via nela as atitudes que faltavam no Prefeito José Almir. 

Mas a eleição de 2016 se aproxima, político precisa de voto e para tanto, necessitam de apoios, achando que todo apoio é bem vindo e que vale tudo pela vitória, assim pelo que se analisa, ou por questões pessoas, ou mesmo por ter outros objetivos, Patrícia Carneiro de Souza Queiroz, não é mais a secretária de Administração e Finanças do município de Barrocas. 

Nas redes sociais as pessoas lamentam o pedido de exoneração, nos pontos de cafezinho a oposição ao grupo do prefeito comemora, pois certamente será difícil outra pessoa conseguir ao menos o que ela conseguiu, evitar o pior! 



@ Nossa Voz da Redação

Sem comentários:

Enviar um comentário