segunda-feira, 15 de março de 2021

Ex-prefeito José Edilson cobra testes rápidos e outras medidas contra a Covid-19 em Barrocas: "passou a eleição acabou", lamentou

Ex-prefeito José Edilson cobrou medidas do atual gestor.

Em áudio que repercutiu nas redes sociais nesse domingo dia (14), o comerciante e ex-prefeito do município de Barrocas, José Edilson de Lima Ferreira, ao falar sobre as medidas contra a Covid-19, lamentou a falta de testes rápidos, e de medição de temperatura, ele afirmou que que passou a eleição "parou tudo".

"Não sei porque o município de Barrocas começou fazendo teste, medindo temperatura e tal, e agora parou tudo. Não vejo como essa coisa controlar. Essa semana conversava com um pessoal ali na Barreira, e percebia que tem pessoas que pegou o Covid, ficou bom e não sabia que pegou. Como é que esse vírus vai acabar no Brasil e principalmente aqui em Barrocas?", questionou Edilson.

O ex-prefeito também cobrou ação dos vereadores, ao questionar sobre a falta de testes rápidos. Segundo ele é preciso investir no combate, e pediu mais empenho dos parlamentares: "Acho que tá na hora da Câmara de Vereadores se empenharem também, não ficarem lá só achando que tá tudo bom, não. É preciso investir no combate, e para combater, é preciso que todos se empenhem. Cadê os testes? Cadê, começou até bem medindo temperatura e tal, passou a eleição, acabou. Eu acho que tá na hora de se empenharem. Vocês vereadores também são responsável pelo que está acontecendo no município de Barrocas", questionou.

O conhecido Edilson da Serrara foi o primeiro prefeito de Barrocas após a reemancipação, tendo administrando a cidade por dois mandatos, 2001 à 2008. Edilson é irmão do atual prefeito José Jailson.

@ Nossa Voz - Por Rubenilson Nogueira 

Sem comentários:

Enviar um comentário