sábado, 31 de maio de 2014

Instituto Yamana promove educação ambiental em três Estados brasileiros


Em comemoração ao Dia Nacional do Meio Ambiente, em 5 de junho, o Instituto Yamana de Desenvolvimento Socioambiental presenteará as comunidades da Bahia, Goiás e Mato Grosso com uma semana de ações ecológicas. Nas duas primeiras semanas do mês, moradores aprenderão como cuidar da fauna e flora, reaproveitar materiais recicláveis, além de receber mudas de plantas nativas.

A ação faz parte do módulo Meio Ambiente, do programa Integrar, que visa levar mais bem-estar às comunidades. A edição engloba oficinas, apresentações teatrais, gincanas, workshop, palestras e blitz educativa. Serão dez os municípios contemplados: Barrocas, Jacobina, Santa Luz, Teofilândia (BA), Alto Horizonte, Campinorte, Nova Iguaçu de Goiás, Pilar de Goiás (GO), Pontes e Lacerda e Porto Esperidião (MT).

“Centenas de pessoas serão mobilizadas em favor da preservação do ecossistema, por meio de informações relevantes para cada região e dicas de como cada um pode contribuir com esta questão. O cuidado com a natureza é uma de nossas prioridades, para isso, a educação ambiental é uma ferramenta fundamental neste processo”, diz Osvaldo Filho, diretor executivo do Instituto Yamana de Desenvolvimento Socioambiental.

Entre os destaques, estão as atividades direcionadas às crianças. Em Jacobina e Teofilândia, a peça “O Reino da Sustentabilidade” alertará os pequenos quanto aos deveres do cidadão por meio de uma história envolvente na qual o figurino baseia-se em peças feitas com material reciclado.


Sobre a Yamana
A Yamana é uma empresa produtora de ouro com sede no Canadá. Tem significativa produção de ouro e áreas para produção deste metal em estágio de desenvolvimento, além de áreas em pesquisa e direitos no Brasil, Chile, Argentina e México. O plano da Yamana é continuar a crescer a partir desta base, por meio da expansão e aumento da produção das minas em funcionamento, do desenvolvimento de novas minas, de avanços nas áreas em pesquisa e permanecendo atenta a outras oportunidades de consolidação de operações com ouro, com foco primário nas Américas. Espera-se que sua produção aumente mais de 60% para um índice anual de 1,7 milhão de onças de ouro-equivalente em 2014, por meio do desenvolvimento de novas minas, expansão das operações atuais e o avanço dos projetos de exploração.

Sem comentários:

Enviar um comentário