quarta-feira, 16 de dezembro de 2015

Barrocas: Moradores cobram redutor de velocidade na BR349 e ameaçam interditar via


Na manhã desta quarta-feira (16), para chamar a atenção do poder público municipal, moradores da localidade do Alagadiço, fecharam parcialmente o trecho da BR349, que liga o povoado de Alambique a sede do município de Barrocas.

A via de terra também dá acesso a BA 409, utilizada para quem vai à Conceição do Coité e demais cidades da região.

Zé Cumbu
Os moradores cobram a instalação de redutores de velocidade para amenizar a poeira provocada por veículos que segundo eles passam em alta velocidade. Caso a reivindicação não seja atendida os manifestantes ameaçam atear fogo em galhos de arvores e bloquear a via. 

Crianças e recém nascidos, homens e mulheres de todas as idades sofrem com a poeira em excesso, alguns enfrentam problemas de saúde.

"Nós temos aqui crianças de 1 mês a 10 anos morando aqui, são mais de 15 meninos e meninas além dos idosos passando pela mesma situação, a poeira entra dentro das casas, o tempo todo tem q varrer e passar pano, ja falamos com os responsáveis e eles não fizeram nada". Explica José Gonçalves dos Santos, 40 anos, pai de quatro crianças, conhecido como Zé Cumbu. 


Ele ainda alerta que se alguma autoridade não tomar as medidas para resolver, ou procurar os moradores para buscar uma solução a via seria bloqueada na tarde desta quarta-feira; "Vamos esperar alguém até a tarde, se não vierem conversar com nós moradores vamos fechar, ninguém sobe nem desce" afirmou. 

Manoel Jesus
O pior período de acordo com Manuel Jesus Ferreira, 27 anos, pai de duas crianças, é no inicio da manhã; "Nós já não suportamos, por aqui que passa muito carro e caminhão sentido Coité, a poeira vai longe e nossas crianças só vivem gripada e com os olhos vermelho". disse o morador. 

Segundo os moradores o sofrimento pode ser amenizado caso um redutor de velocidade venha ser instalado no trecho; "Pelo menos pra diminuir a poeira basta instalar um quebra-molas pros carros reduzirem e não passar correndo levantando a poeira que o vento 'joga' pra dentro de nossas casas".


@ Nossa Voz - Por Victor Santos

Sem comentários:

Enviar um comentário