terça-feira, 21 de junho de 2016

Barrocas: "Ainda exitem pessoas boas no mundo"

Foto Reprodução Facebook
O jovem Marcílio Oliveira, morador do Povoado de Lagoa Redonda, zona rural de Barrocas em postagem recente no Facebook destacou um ato que segundo ele foi 'a prova de que ainda exitem pessoas boas no mundo".

No último domingo (19), por uma descuido, ou distração Marcílio acabou perdendo o seu aparelho celular, um Smartphone da marca samsung, modelo de última geração. Na postagem Cilo como é conhecido relata que deixou o celular cair ao descer de um carro, ele só percebeu que estava sem o aparelho tempo depois, quando já estava distante do local, mesmo assim pediu que o pai fosse na área para tentar recuperar o bem. Mas o senhor Antonio depois de muita procurar retornou para casa sem encontrar o celular. 

Mantendo a calma e a confiança apesar do prejuízo, Marcílio talvez já acreditava que uma pessoa de boa índole houvesse encontrado o seu celular, foi justamente o que aconteceu, quem achou o celular foi o jogador Damazio Fernandes, morador do Alambique. Damazio diferente do que alguns fazem, não desligou o celular, o manteve ligado para que a pessoa que perdeu ligasse.  

"#‎A_prova_que_ainda_existe_pessoas_boas_no_mundo‬, ontem quando estava vindo para Serrinha, quando sair do carro para ir de moto , o meu celular caiu ao meu levantar do banco e não percebi. Liguei para meu pai ir la logo que percebi que ele não tava no carro, meu pai foi o mais rápido mas não conseguiu encontra. A todo momento estava calma confiante em Deus , pois era dar vontade dele,depois de alguma ligação para meu celular atenderam, agradeço primeiro a Deus , segundo a você Damazio Fernandes por ser este cara de coração puro que Deus continue te iluminando sempre seus caminhos. Muito obrigado mesmo. parabéns pessoas como você merece o meu respeito e o de todos..." (sic).

Na postagens muitas pessoas estão parabenizando o jogador pela atitude, mas há relatos de pessoas que não tiveram a mesma sorte ao perderem celulares; "Parabéns! Pena que eu e meu esposo não estivemos essa sorte de encontrar alguém como Damásio para nos devolver os nossos" escreveu uma internauta.

Talvez a atitude de Damazio não seja a mais comum nos dias atuais, justamente por isso está repercutindo, quando na verdade deveria, por ser o mais correto, ser algo comum. Porém isso não tira o mérito dele, agir com ética, fazer o certo merece no mínimo reconhecimento e foi isso que fez Marcílio Oliveira.

@ Nossa Voz - Por Rubenilson Nogueira

Sem comentários:

Enviar um comentário