terça-feira, 6 de dezembro de 2016

Barrocas: Escola Municipal do Alto da Porteira realiza confraternização e promove formatura

Fotos Daniele Oliveira
A comunidade de Alto da porteira, zona rural do município de Barrocas, realizou na segunda feira (05) a Confraternização da EMAP (Escola Municipal Alto da Porteira) que iniciou as 18:30 e reuniu formandos do 5° ano e pré 2ª serie do ensino fundamental, para a solenidade de formatura, 12 alunos participaram como formandos.

O evento aconteceu na Quadra de Esportes da Escola, e contou com a participação dos pais e familiares dos alunos, além de algumas autoridades que também fizeram-se presentes, a Secretária municipal Ana Clécia, o vereador José Eclécio popular Kekeu, representando a Câmara Municipal e o corpo docente da Escola entre professores e funcionários.


A escola conta com uma equipe de cinco funcionários, sendo três professores. A diretora Sra. Eliete Pereira da Mota se emocionou ao falar das dificuldades que todos, da direção aos pais passaram para poder estar celebrando este momento que é tão importantes na vidas dos alunos que estão se formando; "Quero agradecer aos pais pela confiança depositada em nossa equipe, e que continue incentivando seus filhos nos estudos, pois eles serão o futuro de amanhã", e com muita emoção desejou feliz natal a todos os presentes .


Durante o ano letivo, varias atividades com o objetivo de enriquecer os conhecimentos dos alunos foram desenvolvidas, exemplo do projeto de leitura, implantação do Instituto Fazer Acontecer (IFA), Muay Thay, continuação do projeto PACTO (Pacto Nacional pela Alfabetização na Idade Certa),dentre outras. Segundo a direção além das atividades na sala de aula os alunos também puderam desfrutar de atividades extra classe.

O instrutor Marcílio Oliveira, também falou da sua felicidade de poder estar participando de um momento tão importante como a formatura na vida das crianças; "Foi um ano muito conturbado para a nossa 'pequena equipe' passamos por muitas dificuldades mas nos mesmos decidimos não desistir, confesso que chegamos ao ponto de desanimar de não querer fazer mais nada, mas buscamos forças de onde não tínhamos e procuramos nos reerguer", afirmou. Marcílio também agradeceu a presença de todos que foram prestigiar a formatura da turma.

@ Nossa Voz - Por Daniele Oliveira

Sem comentários:

Enviar um comentário