terça-feira, 27 de dezembro de 2016

Barrocas: Servidores vão a sede da Prefeitura Municipal e exigem garantias, prefeito lamentou o ato

Fotos Reprodução WhatsApp
Por volta das 11 horas desta terça-feira (27) um grupo formado por cerca de 40 servidores municipais, após se reunirem na sede da APLB Sindicato, caminharam até a Prefeitura Municipal onde protestaram buscando assim a regularização no pagamento da segunda parcela do 13º salário e terço de férias, além da garantia do pagamento do salário de dezembro.

Mesmo debaixo de forte calor o grupo seguiu com sobrinhas e guarda sol à pé pelo trecho duplicado da BA411, em coro os manifestantes gritavam; "dinheiro, dinheiro, dinheiro" e "salário, salário, salário" como mostra vídeo que circula nas redes sociais.

Elieci da Silva
Procurada a representante da APLB, senhora Elieci da Silva afirmou; “Estamos sem receber a segunda parcela do décimo e aguardando o salário de Dezembro além do terço de férias. O que na verdade estamos querendo é a garantia por parte do gestor que o salário de Dezembro, o terço de feria e a parcela do décimo que por sinal está atrasada sejam pagos” informou a professora.

Por telefone falamos com o prefeito José Almir que disse não haver necessidade de protesto pois já pagou 100% do 13º salário à 85% dos servidores.

"Eu fui surpreendido com a atitude de 5% dos professores, são atitudes lamentáveis, primeiro hoje alguém usou o whatsapp para dizer que eu estava em Salvador para decretar falência do município e que não pagaria a ninguém, isso é vergonhoso, não existe nada disso" lamentou o prefeito. 

José Almir
Ainda sobre a manifestação José Almir afirmou que a sua gestão sempre se preocupou em da tudo o que é de direito a classe, "é uma forma de fazer tumulto, eu percebi isso, até a mulher do candidato eleito tava junto. Lembro que não havia 5% dos nossos professores, por isso eu parabenizo os 95%, pois os demais apesar do nível superior ao que parece só estão pensando em salário". 

O prefeito garantiu que na manhã da quarta-feira (28) irá regularizar os 50% restantes do décimo terceiro dos demais servidores da educação; "Amanhã pago 50% do décimo, eu já tinha pago o único que tá faltando pagar é o pessoal do Fundamental II, os 40% e pessoal de apoio, só esses, os professores do Fundamental I, do ensino infantil e os diretores escolares já foram pagos" informou. 

Questionado sobre o pagamento do salário de dezembro que também é uma preocupação da categoria o gestor afirmou; "O professor ele pode ficar tranquilo porque vou pagar no dia 30, tem alguns indo em conto de mentira. Eu tenho consciência que desde o primeiro mandado sempre dialoguei com a classe, gratificações, mudança de nível, licença prêmio, e o aumento de salário foram dado todo ano, ficando entre 8 e 10% mesmo pagando além do piso do Governo Federal, mesmo assim a gente deu aumento todo ano, e chegando agora no final, se cria um clima desse, pra mim foi algo desnecessário" afirmou.

Se os pagamentos não forem feitos novas manifestações deverão ser organizadas pelos servidores.

@ Nossa Voz - Por Rubenilson Nogueira e Daniele Oliveira

Sem comentários:

Enviar um comentário