quinta-feira, 27 de novembro de 2014

Barrocas: Homem que tentou disparar espingarda contra companheira está preso na Delegacia de Polícia Civil

Ciumes teria motivado a confusão.
Segundo a polícia, depois de uma discussão seguida de uma suposta briga, Gilvando dos Santos 38 anos teria atirado contra a companheira na manhã da quarta feira (26), Maria José, 51 anos, afirma que só não morreu porque o tiro não saiu, "a espoleta não funcionou".

Na delegacia a vítima disse que já vinha sofrendo há algum tempo devido aos ataques de ciumes de Gil. A confusão começou na noite da terça-feira (25), ela contou que  Gil chegou alcoolizado e trastornado, depois de muitos xingamentos e de fazer a maior bagunça na casa, quebrando uma televisão e jogando uma Geladeira ao chão, teria tentado contra a vida da companheira. 


Homem teria invadido a residencia da companheira e promoveu uma bagunça 
"Não quero mais ele, tô sofrendo a muito tempo, ele é sempre agressivo e vive bebendo, eu que tenho que pagar as contas, chega" disse.

O casal morava na Rua da Estação, após o ato o homem pegou suas coisas e foi para a casa da mãe. Antes de ser preso, segundo Maria José, não satisfeito o ex-companheiro ainda voltou a sua casa com uma faca, ela acredita que ele queria lhe matar; "Eu estava em Serrinha tomando providência com a Polícia, e ele apareceu com uma faca e um alicate arrombou a porta da casa, os vizinhos viram tudo" disse a vítima.

Gil nega as agressões, e que tenha tentado atirar contra Maria José, mas reconhece que o relacionamento era conturbado (entrevista com o acusado nesta sexta-feira na Rádio Web @ Nossa Voz)

Preso em flagrante numa ação conjunta das Polícias Civil e Militar o popular Gil foi autuado na lei Maria da Penha e segue preso na Delegacia de cidade. 

Ronda @ Nossa Voz

Sem comentários:

Enviar um comentário