domingo, 31 de janeiro de 2016

A vida numa pequena cidade do interior, Barrocas!


Eu não saberia viver se não fosse numa pequena cidade do interior, se não aqui em Barrocas! 

Viver no interior tem suas particularidades, apesar de algumas mudanças dos chamados ‘últimos tempos’, como o temor da violência que quer tirar nossa paz, ou mesmo a popularização da internet que rouba o tempo, os coisas boas ganham de 'lavada',  aqui tudo é perto, a tranquilidade às vezes questionada ainda é percebida, a simplicidade e o carisma do povo são inigualáveis, as conversas, o dominó e o baralho no bar da esquina, o acarajé da praça, o sarapatel e a tripa frita nos povoados, a galinha caipira, o pão de sal da padaria mais distante que é sempre o que mais gostamos, o baba da sexta, a fofoca da política, a resenha, a cerveja e o corte de cabelo fiado, tudo isso é interior. Onde parece que somos mais sensíveis, observadores, e logo contemplamos diariamente a natureza, o por do sol, o formato das nuvens no céu, coisas simples que só estando no é interior, só aqui se tornam algo especial, algo que queremos ‘compartilhar’, pois não dá pra perder a oportunidade de mostrar que vivemos no paraíso. Ô Barrocas...

Por Rubenilson Nogueira

Sem comentários:

Enviar um comentário