quinta-feira, 28 de janeiro de 2016

A Polícia Militar realizou apreensões de veículos na manhã desta quinta-feira no centro de Barrocas.

Foto: Arquivo
Que o transito de Barrocas está complicado ninguém deve negar, carros e motos são parados na contra mão, estacionados em vagas especiais, excesso de velocidade, o capacete pouco utilizado,  são algumas das infrações comuns, isso no Centro da Cidade.

O município emancipado em 2001, ainda não criou o seu departamento de transito, assim caberia a GM organizá-lo, porém a Guarda ainda não foi oficialmente criada, não tem sequer o estatuto, e talvez por isso não demostra boa vontade de atuar no setor. Dificilmente os agentes são vistos nas ruas nem mesmo nos dias de movimento como nos sábado, isso vem de algum tempo, antes mesmo do Prefeito determinar que atuem na vigilância de prédios públicos, no chamado regime ADM. 

Sem o SMT (Superintendência Municipal de Trânsito) e a Guarda Municipal, ficaria então a cargo da PM a organização e fiscalização do transito municipal?

Pois é justamente esse ponto que uns são favoráveis, e outros contra. Após a ação de hoje, com algumas apreensões de veículos, surgiram diversos questionamentos sobre o trabalho da Polícia Militar no município. Há quem afirme haver trabalho mais importante para ser executados pelos policiais, porém a maioria concorda que algo precisa ser feito e com urgência, pois a situação do trânsito a cada dia fica pior e os militares não podem 'fechar os olhos' para tantas irregularidades.

O 'Nossa Voz' quer saber a sua opinião, para isso criou uma Enquete (canto superior da coluna esquerda) vote e comente através do mural, vamos juntos construir uma cidade a cada dia melhor. Participe!

@ Nossa Voz - Da Redação

2 comentários:

  1. Acho que o trânsito está uma bagunça generalizada .falta a prefeitura identifica as áreas de estacionamento e organiza esses maús condutores ass SGT.URBANO Lagoa da Cruz Barrocas Ba

    ResponderEliminar
  2. Tem sim que tomar uma próvidencia porque a nossa Cidade precisa se organizar e não adinta só reclamar da polícia,de poder público e cívil não.As pessoas,os condutores tem que empor suas responsabilidades e atuar de forma correta vale a obediência para que haja melhoria e um trânsito onde as pessoas possam trafegar sem medo,sem susto e o principal sem acidentes já que a nossa Cidade ainda não possui sinalização.

    ResponderEliminar