segunda-feira, 25 de janeiro de 2016

Barrocas: Ex-jogador do Ipiranga do Cedro morre afogado em tanque às margens da BR349

Leonardo deixa viúva e dois filhos pequenos
Por volta das 13 horas desta segunda-feira (25) Leonardo de Oliveira Queiroz, 33 anos, conhecido popularmente como Léo, parou sua motocicleta às margens da via de acesso Barrocas ao bairro do Cedro (BR349), e começou a nadar num tanque de chão chamado tanque de Dona Tonha. 

Um senhor de pré nome José, estava trabalhando na roça quando viu Léo nadando no tanque; “Eu estranhei porque não pode tomar banho aqui, fiquei observando de repente ele parou de bater os pés e de dá as braçadas, aí afundou faltando pouco para atravessar o tanque” revelou o senhor.

Lutador encontrou corpo a cerca de 4 metros da margem

Logo que a notícia se espalhou pela cidade, muitas pessoas foram ao local, vários homens entraram no tanque na tentativa de localizar o corpo, porém só após o senhor apontar o local onde viu Leonardo parar de nadar foi que o jovem lutador Guilherme Lima o único que ainda insistia no resgate, localizou o corpo a cerca de quatro metros da margem às 15h30min.

Momento que o corpo foi retirado da água
Leonardo era filho único da comerciante Lúcia, que o criou juntamente com o senhor Erasmo, ele deixa esposa e dois filhos pequenos, a família vinha buscando uma forma de tratar do ex-jogador que bebia bastante. Populares que estavam no local disseram que ele estava bebendo desde ontem.

Leonardo era morador do Cedro, ele jogou pela equipe de futebol do bairro.
Dona Lúcia contou que o filho costumava tomar banho em tanques quando bebia, e que falava em fazer promessa para parar de beber. A esposa disse que conversava sempre com o marido e lhe pedia para parar de beber pois era uma boa pessoa.

@ Nossa Voz – Rubenilson Nogueira e Victor Santos

Sem comentários:

Enviar um comentário