terça-feira, 11 de dezembro de 2018

Barrocas: Restando menos de 24 horas para votação, eleição da Câmara de Vereadores está indefinida

Foto Montagem: Rubenilson Nogueira
As eleições para Mesa Diretora da Câmara de Vereadores de Barrocas, ganharam semelhanças com um verdadeiro jogo de xadrez, a cada dois anos se repetem as movimentadas articulações em torno do nome que encabeça a chapa como presidente, e cada peça é movimentada ou manipulada com bastante cautela.

Até poucos dias atrás, parecia que tudo estava definido na eleição desta quarta-feira dia 12, que irá credenciar aquele que estará na cadeira de presidente no biênio 2019 - 2020. Em reunião na terça-feira (04), o grupo de oposição, composto por cinco dos nove vereadores que formam o Legislativo Municipal, voltou a reafirmar que a chapa tendo Adelson Brito (PT) como presidente estava fechada (ver aqui).

Reunião do dia 04 de Dezembro - Foto Rubenilson Nogueira
Enquanto isso a situação não tratava do assunto publicamente, porém boatos indicavam que o vereador Antonio Carlos (Tonho da Loja), estaria disposto a entrar na disputa para voltar a presidir a Casa Legislativa, para isso conversou com quem pôde.

A escolha do nome de Adelson para presidir o legislativo nos próximos dois anos, não foi definida agora, vem de uma reunião que aconteceu no dia 18 de Outubro de 2016, na ocasião dois vereadores declararam interesse em serem candidatos, o vereador Kekeu de Dãozinho e o próprio Adelson Brito. Os demais afirmaram não ter interesse na disputa, cada um apresentou os motivos. Lideranças do grupo, incluindo os candidatos derrotados na eleição para prefeito, Joilton Avelino (Tita) e Joseval Mota. 

Foto: Rubenilson Nogueira - Arquivo JNV
Kekeu e Adelson, chegaram a um consenso, o primeiro presidiria a Casa da Cidadania nos primeiros dois anos e o segundo teria na nova eleição o apoio da base para presidir os dois últimos. Assim Kekeu de Daozinho se tornou o presidente (ver aqui). Nesta quarta-feira (12), acontecerá a eleição para definir o próximo edil que estará liderando o legislativo.

Porém, nos últimos dias para o pleito, caiu como uma bomba, o possível racha da oposição, que segundo comentários propagados na redes sociais, agora teria dois vereadores pleiteando o cargo de presidente, ou até mesmo possibilidade de apoiar outro nome. Além de Adelson Brito (PT), o vereador Evanício Avelino (PP), o conhecido Rupiado, segundo informações, incentivado pelo irmão, o ex-vice prefeito Tita de Roque, também estaria disposto a sentar na cadeira de presidente. Registra-se que o PP presidido por Tita tem maioria de vereadores eleitos na base, mas também é preciso lembrar que os demais, apesar do novo posicionamento do líder, tanto Maria Lucenir, como Antonio Jerry mantiveram o compromisso com Adelson.

Com essa nova possibilidade, a eleição está indefinida, e cada um dos interessados agora  buscam apoios para chegar ao cargo. A base da situação segue sem se manifestar publicamente, enquanto eleitores do grupo de oposição, se manifestam, cobram ética, compromisso, fidelidade. Todos aguardam a definição de mais esse capítulo da política barroquense.

Só amanhã conheceremos o novo presidente da Câmara de Vereadores de Barrocas e saberemos com apoio de quem chegará ao cargo. 

@ Nossa Voz - Por Rubenilson Nogueira

Sem comentários:

Enviar um comentário