terça-feira, 18 de março de 2014

Barrocas: Por que amamos tanto essa terra?


Como explicar, esse carinho, como medir tamanha admiração? Um povo forte, uma cidade em pleno desenvolvimento, gente honesta, otimista, uma cidade bela. Município mais jovem da Bahia ao lado de Luiz Eduarda Magalhães, Barrocas é uma terra amada por todos, uma cidade que se destaca na região, por suas riquezas e belezas, mas principalmente por seu povo acolhedor, batalhador que não cansa de declarar amor por essa terra. Para descobrirmos a essência desse amor, resolvemos perguntar; Porquê amamos tanto essa terra?

Bianca Maria Santos de Queiroz, 20 anos, Estudante de Enfermagem.

Primeiro manifesto o orgulho que tenho em ser filha desta terra, em ter pessoas queridas e amadas que moram aqui, e que de alguma forma contribuíram com o meu desenvolvimento. Parabenizo a cidade e a todos os moradores que fizeram e fazem parte do seu processo de crescimento. As pequenas belezas desta cidade expressam inenarráveis histórias, uma cidade que está em processo de desenvolvimento contínuo, e que deve ser zelada por todos. Barrocas é um lugar de gente do bem, pessoas trabalhadoras e acolhedoras, é sinônimo de família e aconchego para muitos, inclusive para mim. Orgulhosamente me insiro junto aqueles que saúdam a cidade pelos seus 14 anos de emancipação.

Rosivania Silva de Queiroz, 29 anos Gerente na instituição CDL de Barrocas

Barrocas esta completando 14 anos de histórias, foram muitas lutas para chegar ate aqui. É uma pequena cidade, mas muito boa para se morar por ser uma cidade do interior ainda encontramos tranquilidade, onde a nossa gente é muito acolhedora, carismática, cada uma com seus costumes, suas tradições. As festinhas que acontece em alguns períodos do ano são muito legais onde atraem pessoas de outras cidades movimentando um pouco a economia local. O nosso povo tem sede de crescer a cada dia, e se depende de cada um de nós com força de vontade e muita dedicação podemos sim alcançar aquilo que sonhamos que é uma sociedade melhor, mais igualitária, boa pra se viver. Amo morar nessa cidade e quero muito ver crescer a cada dia. 

Na quarta-feira, outros cidadãos e cidadãs barroquenses falarão sobre esse terra linda.

@ Nossa Voz - Rubenilson Nogueira

Sem comentários:

Enviar um comentário