quinta-feira, 28 de janeiro de 2021

Em campanha para UPB, Adriano Lima fala das dificuldades dos prefeitos 'em Brasília'

Reprodução/ Redes Sociais

Adriano Lima, Prefeito do município de Serrinha, iniciando o seu segundo mandato, será um dos candidatos à presidência da UPB, e está empenhado no objetivo de comandar a entidade. Em vídeo divulgado na quarta-feira (28), ele afirmou que a UPB nunca teve um presidente da região (Território do Sisal), sinalizando para a necessidade dessa representatividade. 

O candidato falou ainda sobre a necessidade de um suporte maior da entidade aos prefeitos, até mesmo após deixarem o cargo: "A gente pretende cuidar não só dos municípios, como também dos próprios prefeitos", afirmou ou lembrar das suas dificuldades enfrentadas no primeiro mandato.

Sobre as adversidades que os gestores enfrentam na busca por recursos na Capital Federal, Adriano afirmou que muitas vezes os prefeitos que tentam uma emenda acabam não tendo sucesso e os gastos são maiores do que o previsto: "...senti muitas dificuldades na parte do acesso a Brasília. A gente teve que romper muitos trechos às vezes com a cara e a coragem. A gente precisa ter um escritório em Brasília para poder fazer essa inter-relação dos prefeitos diretamente com Brasília. Às vezes para encurtar essa parte de viagem, às vezes tem um cara que consegue uma emenda de um milhão de pavimentação ou de alguma outra situação, e que gasta 100, 150 ou 200 mil de viagem em quatro anos e não consegue resolver", lamentou.

O registro de chapa para concorrer a Presidência da UPB, ocorrem até o dia 10 de fevereiro, já a eleição será realizada no dia 2 de março, de forma presencial. O processo será presidido por uma comissão eleitoral formada por prefeitos. Os candidatos eleitos vão comandar a instituição por dois anos (2021-2022). 

Da Redação por Ana Clara Santos / Colaborou Rubenilson Nogueira

Sem comentários:

Enviar um comentário