quinta-feira, 14 de janeiro de 2021

Governador da Bahia busca empresas para assumir parque industrial da Ford em Camaçari

Reprodução: Facebook/Rui Costa
O fechamento da Ford em Camaçari trouxe grande impacto direto e indireto para os trabalhadores que dali tiravam os seus sustentos e dependem do emprego. Diante do ocorrido, o governador da Bahia, Rui Costa (PT), anunciou através das suas redes sociais a tentativa de reverter a situação que afetará consideravelmente a economia do estado.

Rui informou que fez contato com 4 embaixadoras do continente asiático para buscar investidores que tenham interesse em assumir o parque industrial localizado em Camaçari, a maior planta automotiva da América do Sul: "Nenhum minuto a perder. Um dia após a Ford anunciar o encerramento das atividades no Brasil, já fizemos contato com as embaixadas da China, do Japão, da Índia e da Coreia do Sul em busca de investidores interessados em assumir o parque industrial da empresa em Camaçari, que é a maior planta automotiva da América do Sul", destacou.

Reprodução: Facebook/Rui Costa
Estima-se que aproximadamente 12 mil trabalhadores  diretos, além de cerca de 6 mil trabalhadores de empresas satélites que forneciam diretamente para a Ford serão afetados. São aproximadamente 60 mil trabalhadores indiretos, segundo informações da imprensa baiana.

Da Redação por Ana Clara

Sem comentários:

Enviar um comentário