quarta-feira, 1 de março de 2017

Barroquense de 48 anos foi morto com 15 golpes de arma branca em Salvador

Foto Reprodução
A Polícia Civil da capital baiana vai investigar a morte do José Raimundo da Mota, de 48 anos, assassinado com vários golpes de arma branca na manhã desta terça-feira (28) no bairro de Narandiba, em Salvador. Segundo informações da Central de Polícia, ele foi morto por volta das 9h, na Travessa São Domingos.

A vítima do crime, conhecido como Temporal, residia em Salvador, mas é natural do Povoado de Lagoa da Cruz em Barrocas. Ainda de acordo com a polícia, José Raimundo foi encontrado sem vida dentro de casa com 15 lesões no pescoço provocados por um objeto perfurante.

O barroquense era funcionário de uma funerária na Capital do estado. A autoria e a motivação do crime serão investigadas pelo Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP). O corpo está sendo velado no povoado de Lagoa da Cruz, o sepultamento será nesta quarta-feira às 10 horas da manhã no Cemitério Municipal de Barrocas.

@ Nossa Voz / Por Victor Santos - Informações do Correio da Bahia

Sem comentários:

Enviar um comentário