sexta-feira, 24 de setembro de 2021

Barrocas: Jovens de 15 anos recebem dose da vacina contra a Covid-19 e comentam esse primeiro passo para imunização

Os jovens barroquenses foram vacinados com o imunizante da Pfizer. Fotos Reprodução

Na manhã desta sexta-feira (24), adolescentes da Sede e Zona Rural do município de Barrocas, com idade equivalente ou superior a 15 anos, buscaram a imunização contra a COVID-19. Centros de Saúde e PSF's espalhados pelo município deram início a vacinação a partir das 08h. Os barroquenses foram vacinados com o imunizante da empresa Americana, Pfizer. Questionados os Adolescentes Pablo Firmo e Joany Queiroz de 15 anos, e o Luiz Henrique de dezesseis, falaram um pouco sobre como funcionou a vacinação e sobre as expectativas para o início da imunização.

Pablo, 15 anos.

Pablo foi vacinado na sede do munícipio, e contou que aguardava por esse momento mas sem temor: "Confesso que eu não estava com medo, esperando muito por esse momento em que eu iria ficar imune a uma doença viral". O barroquense afirmou que passou do prazo, e demorou um pouco a chegada da sua faixa-etária, mas que quando foi disponibilizado, não pensou duas vezes: "Em outras cidades pessoas da mesma idade que eu já estavam vacinados e aqui em barrocas ainda estava muito longe de chegar minha idade de vacinação. O único receio foi o que a vacina podia causar no meu corpo já que essa é a primeira vez que todos estão tomando e não sabemos como vai ser reação da vacina em nosso corpo daqui alguns anos, se pode causar alguma doença esse foi meu único receio", revelou.
Joany, 15 anos

A jovem Joany Jesus de Queiroz, de 15 anos, moradora do Povoado de Boa União, recebeu a primeira dose na Unidade de Saúde do Bairro do Cedro, e assim como os demais vacinados, aguardava ansiosamente pelo imunizante: "Estava contando os minutos pra chegar o dia (risos) e eu fiquei um pouco nervosa, mas estou muito feliz em ter tomado logo. A segunda dose será em 19/11/2021 e até lá, é se proteger ao máximo pra não ter que pagar o COVID-19" declarou. Joany acredita que a vacina tenha sido disponibilizada no período correto, e até o momento, não sofreu nenhum efeito colateral da doença.

Luiz Henrique, 16 anos
O barroquense, Luis Henrique Ferreira Pereira, de 16 anos, se vacinou no Posto de Saúde Luiz Eduardo Magalhães, e falou um pouco sobre qual foi a impressão da vacinação: " Dá uma sensação de alívio a pessoa está vacinada contra essa doença, que matou milhares de pessoas", destacou. Perguntado sobre o prazo, Luis declarou que demorou, mas que está no momento certo. O jovem teve algumas suspeitas sobre a doença, mas não abriu mão de se defender contra o Coronavírus: "Sim, tive receio de sofrer efeitos colaterais" revelou.

Através de uma postagem numa rede social, o prefeito José Jailson convidou os jovens para a vacinação: "Hoje tem vacinação! Atenção galera de 15 anos ou mais, chegou a vez de vocês tomarem a sua primeira dose. Hoje também tem a 3ª dose dos idosos de 85 anos acima, com 6 meses que tomaram a segunda dose. Hoje também vai acontecer aplicação de 2ª dose", informou. Até a noite da quinta-feira (23), o município de Barrocas já havia recebido cerca de 17 doses de vacinas contra a Covid-19 (ver aqui).

@ Nossa Voz por Kauã Sherman

Sem comentários:

Enviar um comentário