quarta-feira, 1 de setembro de 2021

Dose de reforço contra a Covid-19 pode ser aplicada em qualquer município baiano

Foto: Erasmo Salomão/Ministério da Saúde
Na última sexta-feira (27), foi aprovado pela comissão Intergestores Bipatite (CIB), a antecipação da dose de reforço (3ª dose). Foi regulamentado também pela CIB que as cidades baianas apliquem a 2º dose da vacina contra a Covid-19 para moradores de outros municípios e também vale para a aplicação da terceira dose. 

A dose de reforço poderá ser aplicada em idosos de 80 anos ou mais, idosos que vivem em Instituições de Longa Permanência (ILPI); imunossuprimidos; e profissionais de saúde ativos da linha de frente, com idade acima de 60 anos. Para os idosos, as pessoas institucionalizadas e os profissionais de saúde, entre as exigências para a aplicação da terceira dose está o prazo mínimo seis meses desde a aplicação da segunda dose da vacina

Segundo a Sesab, objetivo é que vacinar o maior número de pessoas aptas, em uma estratégia para conter o avanço da variante Delta no estado. A decisão da CIB sinaliza que a imunização deverá ser feita, preferencialmente, com a vacina da Pfizer ou, de maneira alternativa, com Janssen ou AstraZeneca.

Da redação por Ana Clara Santos/ Informações: BN

Sem comentários:

Enviar um comentário