quarta-feira, 27 de outubro de 2021

Mais de R$ 3,4 bilhões para a alimentação escolar, já foram repassados aos estados e municípios entre janeiro e setembro de 2021

Kit Alimentação Escolar - Arquivo JNV
Estados, municípios e Distrito Federal já receberam repasses que ultrapassam R$ 3,4 bilhões no acumulado deste ano até o mês de setembro, para investir na alimentação diária de estudantes de escolas das redes públicas de ensino, segundo dados divulgados pelo Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (Fnde).

A transferência de recursos para a alimentação escolar é feita em dez parcelas mensais, a partir do mês de fevereiro. No fim de janeiro, no entanto, o governo federal fez um repasse extra no valor de R$ 366,3 milhões, para reforçar a alimentação dos estudantes. 

Pelo menos 30% dos valores devem, obrigatoriamente, ser utilizados na compra de produtos da agricultura familiar. Devido a suspensão das aulas presenciais durante a pandemia, o governo federal permitiu a entrega dos alimentos diretamente aos estudantes, na forma de kits. No município de Barrocas, localizado no interior da Bahia, o último Kit de Alimentação foi distribuído no final de setembro (ver aqui).

São atendidos pelo Pnae os alunos de toda a educação básica (educação infantil, ensino fundamental, ensino médio e educação de jovens e adultos), matriculados em escolas públicas, filantrópicas e entidades comunitárias, conveniadas com o poder público.

@ Nossa Voz - Com informações dd Notícias de Santaluz

Sem comentários:

Enviar um comentário